Exercícios - Regime Militar

Lista de questões de vestibulares sobre o Regime Militar no Brasil.
Ler artigo Regime Militar.

Exercício 1: (ADVISE 2009)

Considere as alternativas sobre o regime militar no Brasil:

I. A Lei de Remessas de Lucros continuou, apesar dos incentivos às empresas multinacionais.

II. A Lei de Remessas de Lucros foi suspensa, garantindo os interesses das multinacionais em detrimento das empresas nacionais.

III. Apesar de contar com o apoio dos EUA, os militares não romperam relações diplomáticas com Cuba.

IV. O Ato Institucional n. 5 (AI-5) previa a cassação de mandatos

eletivos federais, estaduais ou municipais. Estão corretas:


Exercício 2: (Enem 2010)

Ato Institucional nº 5

Art. 10 - Fica suspensa a garantia de habeas corpus, nos casos de crimes políticos, contra a segurança nacional, a ordem econômica e social e a economia popular.

Art. 11 – Excluem-se de qualquer apreciação judicial todos os atos praticados de acordo com este Ato Institucional e seus Atos Complementares, bem como os respectivos efeitos.

Disponível em: http://www.senado.gov.br. Acesso em: 29 jul. 2010.

Nos artigos do AI-5 selecionados, o governo militar procurou limitar a atuação do poder judiciário, porque isso significava


Exercício 3: (UFSC 2016)

Essa música de Chico Buarque, escrita na época da ditadura civil-militar, representa ao mesmo tempo uma crítica aos ditadores que impunham regras ao povo e o desejo de um Brasil melhor com o fim do regime. Sobre os contextos político, econômico e social do Brasil após a ditadura civil-militar, é CORRETO afirmar que:


Exercício 4: (UDESC 2016/2)

Em março de 1964 grupos militares, apoiados por grande parcela da sociedade civil, destituíram João Goulart da Presidência do Brasil e instauraram, pelo ato que na época qualificavam como revolucionário, um regime de exceção que se destinava a estabelecer a ordem no país e convocar novas eleições em 1965. Sabe-se que o Regime Militar, por meio de práticas autoritárias, estabeleceu-se no país por mais de 20 anos, e que novas eleições diretas para a presidência da República foram realizadas apenas em 1989.

Assinale a alternativa correta sobre este período.


Exercício 5: (UDESC 2015/2)

Ditadura s.f. (1563 HPint I 328) 1. Governo autoritário exercido por uma pessoa ou um grupo de pessoas, que tomam o poder desrespeitando as leis em vigor, com supremacia quase absoluta do poder executivo, apoiado pelas forças armadas, e com o poder legislativo inexistente ou enfraquecido e subordinado ao poder do(s) ditador(es), o mesmo acontecendo com o judiciário e onde geralmente não há estado de direito, imprensa livre, liberdade de associação, de expressão, nem eleições livres e regras claras de sucessão 2. qualquer sistema de governo em que não sejam respeitadas as liberdades individuais 3. fig. Excesso de autoritarismo; tirania, despotismo. Etim lat. dictatūra,ae dignidade de magistrado ou regente supremo, dignidade do ditador. SIN/VAR ver sinonímia de autoritarismo.

(Dicionário Houaiss da Língua Portuguesa)

Tendo como referência a definição dicionarizada de ditadura, analise as proposições e escreva (V) para verdadeira e (F) para falsa.

( ) Embora de caráter autoritário, o sistema ditatorial se caracteriza pela defesa dos valores e direitos da maioria, garantindo plena igualdade entre os cidadãos perante o Estado.
( ) A ditadura caracteriza-se pela concentração de poder unicamente nas mãos de um indivíduo; na história do Brasil podem-se citar os dois mandatos ditatoriais do governo de Getúlio Vargas e o do governo de João Goulart entre 1961-1964.
( ) O regime ditatorial não se opõe à democracia, pois visa restaurar a estabilidade política e social de um país à beira da catástrofe política e econômica, é antes o governo da maioria contra o governo dos poucos.
( ) A história do Brasil possui diversos casos de experiência ditatorial de um indivíduo ou de um partido, e pode-se citar como experiências ditatoriais a concentração de poder nas mãos de D. Pedro II, a ditadura republicana do general Deodoro da Fonseca na Primeira República e, mais recentemente, a ditadura do Partido dos Trabalhadores (PT) que governa o país há mais de uma década, não permitindo, dessa forma, o revezamento partidário do poder, característica essencial de uma democracia.
( ) O único caso de intervenção político-militar em Santa Catarina ocorreu durante o governo de Floriano Peixoto, ocasionado pela Revolta Federalista, que culminou com o assassinato de rebeldes na Ilha de Anhatomirim.

Assinale a alternativa correta, de cima para baixo.


Exercício 6: (UDESC 2015/2)

Analise o texto abaixo:

Las tres caravelas
(…)
Um navegante atrevido Saiu de Palos um dia Vinha com três caravelas A Pinta, a Nina e a Santa Maria Em terras americanas Saltou feliz certo dia Vinha com três caravelas A Pinta, a Nina e a Santa Maria
Muita coisa sucedeu
Daquele tempo pra cá
O Brasil aconteceu
É o maior, que é que há?
(...)
Viva Cristóvão Colombo Que para nossa alegria Veio com três caravelas A Pinta, a Nina e a Santa Maria

(Algueró Jr. Moreau. Tradução: João de Barro)

Analise as proposições sobre essa canção popular, gravada por Caetano Veloso e Gilberto Gil no disco Tropicália ou Panis et Circensis (1968).

I. A letra faz referência a episódios históricos conhecidos como o “descobrimento da América” pelos europeus, por meio da viagem empreendida pelo almirante Cristóvão Colombo, partindo da costa da Espanha pelo Oceano Atlântico, e atingindo as ilhas do Caribe, no dia 12 de outubro de 1492.
II. Os cantores da Tropicália utilizam a canção com ironia em relação ao discurso ufanista dos militares brasileiros durante a ditadura. Para eles, o Brasil estava submisso aos interesses econômicos dos Estados Unidos, como havia sido em relação às monarquias ibéricas no período colonial.
III. O autor da letra, ao afirmar que o navegador “saltou feliz certo dia” nas terras americanas, identifica-se com os nativos, que consideram esse episódio o início de uma era de paz e prosperidade, pois Colombo veio “para nossa alegria”.

Assinale a alternativa correta.


Exercício 7: (UFRGS 2016)

Considere as afirmações abaixo, sobre a Operação Condor, estabelecida clandestinamente e em conjunto pelas ditaduras do Cone Sul, a partir de 1975.

I - Os Estados Unidos assumiram apoio e suporte à operação, ainda na década de 1970.
II - A meta da operação era a eliminação dos principais opositores das ditaduras do Cone Sul.
III - O sequestro de militantes de esquerda uruguaios, em 1978, na cidade de Porto Alegre, foi uma de suas ações mais famosas.

Quais estão corretas?


Exercício 8: (UFRGS 2015)

Assinale com V (verdadeiro) ou F (falso) as afirmações abaixo, sobre os episódios relativos ao golpe civil-militar de 1964 e ao posterior regime ditatorial no Brasil.

( ) No dia 19 de março de 1964, foi realizada, em São Paulo, a Marcha da Família com Deus pela Liberdade, como resposta às reformas de base anunciadas pelo Presidente João Goulart.
( ) Após a mobilização das tropas do General Olímpio Mourão Filho, e seu deslocamento para o Rio de Janeiro, em 31 de março de 1964, o Congresso Nacional votou pela permanência de João Goulart na presidência.
( ) Durante o governo de Artur da Costa e Silva, implementou-se, em 13 de dezembro de 1968, o Ato Institucional nº. 5, que fortaleceu a chamada “linha dura” do regime militar com cassação de mandatos parlamentares e repressão aos movimentos sociais de resistência.
( ) Após a ampla participação popular no movimento das “Diretas Já”, a ditadura chegou ao fim em 1985, com as eleições diretas que elegeram para a presidência da república a chapa encabeçada por Tancredo Neves e José Sarney.

A sequência correta de preenchimento dos parênteses, de cima para baixo, é:


Exercício 9: (Enem 2015)

ZIRALDO. 20 anos de prontidão. ln: LEMOS, R. (Org.). Uma história do Brasil através da caricatura (1840-2001). Rio de Janeiro: Letras & Expressões, 2001.

No período de 1964 a 1985, a estratégia do Regime Militar abordada na charge foi caracterizada pela:


Exercício 10: (Unespar 2016)

Sobre o Regime Militar no Brasil (1964-1985) e seus desdobramentos atualmente, analise as seguintes sentenças:

I. A tomada do poder pelos militares, em 1964, contou com o apoio explícito de amplos setores sociais, religiosos, de grande parte dos políticos do Congresso Nacional e de instituições, como a Ordem dos Advogados do Brasil.
II. A Comissão Nacional da Verdade foi criada em 2011 a fim de, entre outros, apurar as violações de direitos humanos cometidas por agentes públicos no período 1964-1985 e investigar o desaparecimento de presos políticos, sem, no entanto, ter condições legais de punir os culpados.
III. De modo semelhante ao que ocorria no cenário internacional bipolarizado, no Brasil, o governo militar adotou uma posição nacionalista e pró-capitalista e combateu indivíduos e/ou grupos ligados ou suspeitos de ligação com tendências políticas comunistas, sobretudo aquelas de caráter internacionalista.
IV. Embora tenha limitado os direitos civis, o governo militar foi desprovido de corrupção, aumentou consideravelmente o Produto Interno Bruto e melhorou significativamente a distribuição de renda e o poder aquisitivo do trabalhador, se comparado ao período precedente.


Páginas: [1] 2