As Crônicas de Nárnia

As crônicas de Nárnia (no original The Chronicles of Narnia) é uma obra literária do escritor irlandês C. S. Lewis que conta as aventuras e desventuras de algumas crianças (e de alguns adultos também, porém de maneira secundária) no Universo paralelo de Nárnia, e é dividida em sete livros que foram escritos separadamente.

Esta obra era praticamente desconhecida no Brasil até o lançamento do primeiro filme, o que fez com que o livro fosse um dos mais vendidos no país.

Os sete livros foram ilustrados por Pauline Baynes, que foi apresentada a C. S. Lewis por J. R. R. Tolkien (O Senhor dos Anéis).

O autor escreveu primeiramente “O Leão, a Feiticeira e o Gaurda-Roupa”, sem ter a intenção de continuar com a história. Quando ele decidiu então por continuá-la, resolveu resgatar um pouco da história que não foi contada no primeiro livro através dos que se seguiram, por isso a ordem de publicação não segue a ordem cronológica.

Portanto, não existe uma ordem oficial para ler os livros, já que um complementa o outro com informações esparsas que vão dando sentido à história como um todo, mas as duas versões mais aceitas são as seguintes:

1. Os sete livros que formam a obra são (em ordem de publicação):

1950: O Leão, a Feiticeira e o Gaurda-Roupa;
1951: O Príncipe Caspian;
1952: A Viagem do Peregrino da Alvorada;
1953: A Cadeira de Prata;
1954: O Cavalo e seu Menino;
1955: O Sobrinho do Mago;
1956: A Última Batalha.

2. Porém, a ordem cronológica dos acontecimentos na história é outra:

1 - O Sobrinho do Mago;
2 - O Leão, a Feiticeira e o Gaurda-Roupa;
3 - O Cavalo e seu Menino
4 - O Príncipe Caspian;
5 - A Viagem do Peregrino da Alvorada;
6 - A Cadeira de Prata;
7 - A Última Batalha.

A segunda versão (cronológica) foi sugerida por um leitor a Lewis, que gostou muito da idéia, mas nunca a tornou oficial, justamente para dar liberdade a outros leitores que quisessem tomar outro “rumo” na história.

O mundo de Nárnia:

Nárnia refere-se tanto ao Universo paralelo ao nosso quanto ao país existente neste Universo. Juntamente com o país Nárnia existem também outros países, como a Calormânia e a Arquelândia, que também são desenvolvidos no decorrer dos livros.

Para se chegar a este mundo é preciso a ajuda de algum “talismã”, seja um anel (O Sobrinho do Mago), um guarda-roupa (O Leão, a Feiticeira e o Gaurda-Roupa), um quadro (A Viagem do Peregrino da Alvorada) etc. e para voltar de lá, freqüentemente é necessária a ajuda de Aslam, leão que foi o criador de Nárnia (O Sobrinho do Mago), e que é o único personagem a aparecer em todos os 7 livros.

Os livros têm evidentemente uma temática cristã, sendo o leão a imagem de Deus e os sete livros a imagem da vida do cristão, começando pela Criação, ou Gênesis (O Sobrinho do Mago) e terminando pelo Fim dos Tempos, ou Apocalipse (A Última Batalha).

O livro é cheio de mensagens cristãs de amor, paz e esperança em um ser maior e mais poderoso que todos nós (Aslam / Deus), mas também no respeito e na obediência a este ser, para nosso próprio bem.

Arquivado em: Livros