Equações Diferenciais de Primeira Ordem

Bacharel em Matemática (FMU-SP, 2018)
Mestrando em Física Teórica (UNICSUL, 2018-atualmente)

Equações diferenciais são ferramentas importantes para diversos ramos das ciências exatas. Com elas é possível descrever e formular diversos tipos de sistemas físicos numa linguagem matemática, o que possibilita uma imensa gama de aplicações em modelos concretos. Relembrando brevemente a notação para derivadas, temos:

Recomenda-se ao leitor que leia o artigo sobre Equações Diferenciais.

Equações diferenciais ordinárias de primeira ordem

A ordem da mais alta derivada envolvida em uma ED é chamada de sua ordem. No caso de uma ED de 1ª ordem, sua ordem é igual a 1. A equação abaixo é uma EDO de primeira ordem:

Solução de uma EDO

É chamada de solução de uma ED qualquer função definida em algum intervalo que quando substituída na ED, reduz a equação a uma identidade. De uma forma geral para as EDOs, temos:

Que F é uma função que possui pelo menos n derivadas e satisfaz a equação diferencial. Vejamos um exemplo:

Seja uma EDO de 1º grau dada por:

E vamos verificar se é uma solução para a EDO. Primeiro, podemos substituir o valor dado na equação, ou seja, o valor de y da solução deverá ser inserido na EDO:

Agora, se reinserirmos o valor obtido pela igualdade acima na EDO, percebemos que:

O que prova que o valor de y dado é solução da EDO.

Problema de Valor Inicial (PVI)

É chamado de problema de valor inicia quando queremos resolver uma EDO de 1ª ordem, do tipo:

Que está sujeita a uma condição inicial que chamaremos de , em que x0 é um número qualquer dentro de um intervalo I e y0 é um número real.

Agora, um exemplo prático. Seja a EDO de 1ª ordem dada por:

Leve em conta que existe uma família de soluções parâmetro para esta equação que será dada por:

Vamos determinar o seu PVI para os casos onde e . Sendo assim:

E para o segundo caso:

Isto significa que esta EDO possui pelo menos duas soluções. Quando reinserimos os valores na EDO, obtemos:

Para continuarmos o estudo das EDOs de 1ª ordem, os artigos Equações Diferenciais Separáveis e Equações Exatas e Lineares serão importantes para melhor compreensão de como solucionar EDOs bem como alguns métodos de solução.

Referências bibliográficas:

ZILL, Dennis G; CULLEN, Michael R. Equações Diferenciais – Volume 1. São Paulo – Pearson Makron Books, 2001.

BASSALO, José Maria FIlardo; CATTANI, Mauro Sérgio Dorsa. Elementos de Física Matemática – Volume 1. São Paulo – Livraria da Física, 2010.

ARFKEN, George B; WEBER, Hans J; HARRIS, Frank E. Física Matemática: Métodos Matemáticos para Engenharia e Física – 7a Ed. Rio de Janeiro: Elsevier, 2017.

Arquivado em: Matemática