Art Déco

Mestre em Artes Visuais (UDESC, 2010)
Graduada em Licenciatura em Desenho e Plástica (UFSM, 2008)

Art Déco é um termo de origem francesa que refere-se a um estilo artístico de âmbito internacional mas que tem sua origem na Europa no começo do século XX, porém seu apogeu se deu na década de 20. O termo Art Déco nasceu da expressão arts decoratifs.

Este estilo se afirmou nas artes visuais, nas artes aplicadas (designe de interiores, mobiliário, etc.) no desenho industrial, na moda, no cinema e especialmente na arquitetura onde teve uma presença marcante. Na década de 30 espalhou-se pelos EUA e em outros países fora da Europa.

O Art Déco começou a ganhar força como um estilo artístico a partir da Exposição Internacional de Artes Decorativas e Industriais Modernas que ocorreu em Paris em 1925. Esta exposição deu ênfase a individualidade e ao artesanato refinado. Muito embora os movimentos artísticos da época estivessem ligados à filosofia e a política, o Art Déco foi um estilo de caráter decorativo, visto na época como ultramoderno e de alto luxo, destinado a burguesia do pós-guerra. Era comum o uso de materiais caros como o marfim, o jade e a laca. A partir da exposição Art Déco no Metropolitan Museum de Nova York em 1934, o estilo passou a valorizar a produção industrial, com materiais e formas aptas de serem produzidas em massa. Dessa forma o estilo Art Déco foi popularizado e de fácil acesso a população por meio da publicidade, dos objetos de uso domésticos, das joias e bijuterias, da moda e do mobiliário.

O estilo Art Decó caracterizava-se pelo uso de formas geométricas ou estilizadas em detrimento as formas orgânicas que eram frequentes no estilo Art Nouveau. Diferente desse estilo, o Art Déco prezava pela simplicidade da forma. Além dessas, era comum o uso da figura feminina e da figura de animais. Este estilo teve influências dos princípios do Cubismo. Na arquitetura, sobretudo, eram comumente usados na base compensados de madeira e concreto armado, porém, sem abrir mão do requinte, ganhando ornamentos de bronze, mármore, prata, marfim e outros materiais nobres.

O Art Déco chegou ao Brasil ainda no final da década de 1920, ressaltando-se acima de tudo, na arquitetura com a intenção de torna-la mais limpa e funcional. É possível encontrar inúmeras construções neste estilo no Brasil como o Cristo Redentor que é a maior estátua Art Déco do mundo e a Torre do Relógio da Central do Brasil. Além desses é possível citar o Teatro Carlos Gomes no Rio de Janeiro, Estádio do Pacaembu em São Paulo, Biblioteca Mário de Andrade, também em São Paulo, Estação Ferroviária de Goiânia.

Victor Brecheret, um dos principais escultores do Modernismo no Brasil, foi um artista que mais recebei influências do estilo Art Déco, bem como o pintor Vicente do Rego Monteiro.

Referências:

ART Déco. In: ENCICLOPÉDIA Itaú Cultural de Arte e Cultura Brasileiras. São Paulo: Itaú Cultural, 2018. Disponível em: http://enciclopedia.itaucultural.org.br/termo352/art-deco . Acesso em: 07 de Abr. 2018. Verbete da Enciclopédia.

CHILVERS, Ian (org.). Dicionário Oxford de arte. Tradução Marcelo Brandão Cipolla. 2.ed. São Paulo: Martins Fontes, 2001. 584 p.