Dígrafos

Graduação em Letras Português e Inglês (Universidade Presbiteriana Mackenzie, 2010)

Dígrafo é a sequência de duas letras que formam um mesmo som, um único fonema. Não podemos confundir consoantes e vogais com letras, já que são sinais representativos daqueles sons.

Nos dígrafos, cada letra perde sua unidade sonora. Isso porque a sequência de duas letras representa apenas um fonema. Abaixo, alguns exemplos de Dígrafos:

Pêssego
Carro
Máquina
Ninho
Chave
Alho
Molho
Banho
Assar
Arroz
Querido
Missa
Torre
Descida

Existem dois tipos de Dígrafos, os Consonantais e os Vocálicos:

Dígrafos consonantais

É o encontro de duas letras que formam um único som consonantal. Exemplos: lh, ch, nh, rr, ss, qu, gu, sc, sç, xc, xs.

  • CH: chuva, chaveiro, choro, churros
  • LH: lhama, telha, alho, calha, milho, agulha
  • SS: massagem, assumir, pássaro, pêssego
  • RR: cachorro, carro, torre, morro, carreto
  • NH: dinheiro, sonho, sobrinho
  • GU: guirlanda, guitarra, dengue, guerra
  • QU: questão, máquina, querosene, aquele
  • SC: descida, crescer, descendência, piscina
  • SÇ: cresça, desça, nasço
  • XC: exceto, exceção, excelente
  • XS: exsudativo, exsurgir

Dígrafos vocálicos

É o encontro de duas letras que formam um único som vocálico. Quando as vogais vêm seguidas das consoantes M e N, representando fonemas vocálicos nasalizados. Exemplos: am, em, im, om, um, an, en, in, on, un.

  • AM: amparo, ambulância, campeão, ambição, ampla
  • EM: empecilho, lembrança, sempre
  • IM: símbolo, cachimbo, limpo
  • OM: ombro, sombra, tombo
  • UM: cumprimento, chumbo, umbigo
  • AN: anta, sangue, tanque, antítese
  • EN: pente, mentira, entrada
  • IN: tinta, introdução, lindo, cinto
  • ON: onça, ponte, fonte
  • UN: mundo, sunga, denúncia

Vale ressaltar a atenção necessária para os dígrafos abaixo:

QU e GU, pois dependendo da forma como a palavra é pronunciada, pode ser ou não um dígrafo. Para entendermos melhor abaixo, dois grupos de palavras que ilustram a situação:

Eloquência –a vogal u é pronunciada, portanto não apresenta dígrafo.
Questão – a vogal u não é pronunciada, portanto possui o dígrafo QU.

Linguiça - a vogal u é pronunciada, portanto não apresenta dígrafo.
Gueixa – a vogal u não é pronunciada, portanto possui o dígrafo GU.

SC, SÇ e XC podem representar o mesmo fonema transcritos também por C ou Ç, como:

Florescer – amanhecer
Cresça – apareça
Exceder - preceder

Leia também:

Referência Bibliográfica:

CUNHA, Celso. Gramática do Português Contemporâneo. Belo Horizonte: Bernardo Álvares S. A., 6a ed.1976. 509p.

Arquivado em: Português