Golden Dawn

A Golden Dawn, também conhecida como a Ordem Hermética da Aurora Dourada, foi uma sociedade secreta de cunho mágico, que surgiu na Inglaterra no século XIX, mais precisamente no ano de 1880, e reunia várias vertentes do Ocultismo, e suas vertentes se encontram no meio Oculto até hoje ativas.

Antes do surgimento da Golden Dawn, o Ocultismo Ocidente se encontrava totalmente separado por diversas ramificações como a Alquimia, a Astrologia, a Magia Cerimonial. Além disso essas ramificações sofria influencia de diversas crenças, como o Pitagorismo, Neoplatonismo (corrente de pensamento baseada nos ensinamentos de Platão), Catarismo (um movimento cristão considerado herético pela igreja católica), Maniqueismo (filosofia religiosa sincrética e dualística que divide o mundo entre bem, Deus, e mal, o Diabo), a Gnose, Judaísmo, e Hermetismo (é o estudo e prática da filosofia oculta e da magia associados a escritos atribuídos a Hermes Trismegisto) que transitavam por diversas culturas.

Porém o período em que se iniciou a Aurora Dourada (pleno século XIX), podemos dizer que o Ocultismo ocidental havia se perdido, abrindo espaço para vários movimentos ocultistas de inspiração oriental (como a Teosofia, conhecimento que sintetiza filosofia, religião e ciência). Assim é possível interpretar a crianção da nova Ordem como resposta a tudo isso.

Nesse resgate da tradição ocidental, a Golden Dawn aprofundou ao máximo as ligações com a Cabala e com a antiga Magia cerimonial, ás quais ela agregou o esquema de correspondência universal proposto por Eliphas Levi (um grande ocultista Frances), que foi ampliado, desenvolvido e codificado. Por esse motivo, todos os sistemas ocultistas antes existentes foram integrados num único corpo de pensamento, interrelacionado, interdisciplinar e interdependente.

Com esse pensamento, a magia se tornou uma disciplina pratica e dinâmica, mesclando três sistemas operatório principais: a Magia Cerimonial, dotada de um novo código de signos, a Magia Enoquiana (que faz o uso da linguagem Enoquiana, uma linguagem especifica para magia), e a Magia de Abramelin (ou magia angélica, que proporciona o aspirante entrar em contato com seu santo anjo guardião).

Todo o sucesso que a Golden Dawn conseguiu, se deve ao fato de valorizarem o erudito. Eles possuíam um núcleo fundador de grande qualidade, tinha uma bela organização, além disso, incentivavam a pesquisa, e admitiam seus membros sem restrições sexuais, religiosos ou pela raça. Mais o grande fator de sucesso da Ordem foi justamente o poder de renascimento que obtiveram na capacidade de recriar e reinterpretar vários e antigos sistemas ocultos ocidentais.

Fontes:
http://pt.wikipedia.org/wiki/Ordem_Herm%C3%A9tica_da_Aurora_Dourada
http://www.goldendawn.com.br/

Arquivado em: Sociedades Secretas