Mesoderme

Por Débora Carvalho Meldau
A mesoderme ou mesoderma é um folheto embrionário formado durante a neurulação embrionária dos animais que possui três folhetos embrionários (chamados de triploblásticos). Localiza-se entre os outros dois folhetos, a endoderme e a ectoderme e, através de multiplicação e diferenciação celular, a mesoderme dá origem, por exemplo, ao esqueleto, músculos, sistema circulatório, excretor e reprodutor.

Sua origem se dá pela segmentação da mesentoderme em três porções diferentes, sendo que as duas porções laterais darão origem a mesoderme. Ambas as mesodermes apresentam em seu interior uma cavidade conhecida como celoma, que corresponde à cavidade geral do corpo dos seres vivos. As duas mesodermes irão crescer ventralmente, se encontrando e se fundindo na região mediana ventral do embrião.

Mais tarde, são observadas três regiões na mesoderme:

  • Epímero ou região dorsal: origina blocos de células ao longo do embrião, chamados de somitos, e destes, surgirão mais três camadas (dermátono, miótomo e esclerótomo). Origina a derme, musculatura estriada e o esqueleto axial.
  • Mesômero ou região mediana: responsável pela ligação do epímero e hipômero e possui duas camadas de células que envolvem o celoma. Origina o aparelho urogenital e musculatura visceral.
  • Hipômero ou região ventral: origina os músculos lisos e cardíacos, além das serosas (pleura, pericárdio e peritônio).

Fontes:
http://pt.wikipedia.org/wiki/Mesoderme
http://www.vestibular1.com.br/revisao/embriologia.doc