Manga

Por Marina Martinez
A mangueira (Mangifera indica L.), membro da família Anacardiaceae, família bem conhecida por causar irritação cutânea produzida por alguns dos seus membros, produz um fruto muito apreciado e cultivado em várias regiões tropicais e subtropicais distribuídas no mundo. Este fruto, conhecido como manga, característico pelo sabor e suculência, é muito consumido in natura como também explorado na culinária para o preparo de mousses, geléias, sucos, gelatinas, entre outros.

Reino: Plantae
Divisão: Magnoliophyta
Classe: Magnoliopsida
Ordem: Sapindales
Família: Anacardiaceae
Gênero: Mangifera
Espécie: Mangifera indica

Originária da índia, as árvores de manga podem atingir entre 35 e 40 metros de altura. Suas folhas perenes estão alternadamente dispostas e atingem entre 15 e 35 cm de comprimento. À medida que a folha cresce, ela muda de cor passando por diferentes tons. Quando maduras, sua superfície superior é brilhante e verde escuro, enquanto a inferior é verde claro. Quando esmagadas, as folhas têm fibras e crepitação, e exalam um forte cheiro de terebina. As flores são pequenas, com cinco pétalas, em inflorescências paniculadas nas extremidades dos ramos. Exalam um doce odor suave como os lírios.

A manga varia consideravelmente em tamanho, forma, cor, presença de fibras, aroma, sabor, entre outros. O formato do fruto varia de arredondado a oval-oblongo ou alongado, com comprimento entre 6,25 e 25 cm em variedades diferentes. São encontradas nas cores amarelo, laranja e vermelha. Quando a fruta ainda não está madura, sua cor é verde. Sua polpa é extremamente suculenta, com uma gama de sabor muito doce. Em seu interior encontra-se uma única semente grande localizada no centro, que contém o embrião da planta. A manga amadurece em 100 a 150 dias após a floração.

 

Fruta rica em uma variedade de fitoquímicos e nutrientes, a polpa da manga é rica em prebióticos, fibras alimentares, vitamina C, polifenóis, carotenóides e provitamina A. Além disto, a fruta tem muitas propriedades benéficas para saúde, tais como: ajuda a purificar o sangue, diurético, combate a bronquite, tem efeito expectorante e combate a acidez estomacal.

As mangueiras crescem em solo que esteja bem drenado e úmido. Preferem um ph que esteja entre 5,5 e 7,5, pois são pouco tolerantes a alcalinidade. No Brasil, a manga é cultivada em todas as regiões, com destaque para o Sudeste e para o Nordeste. No Nordeste, a manga é cultivada em todos os estados, em particular nas áreas irrigadas da região semi-árida, que apresentam excelentes condições para o desenvolvimento da cultura e obtenção de elevada produtividade e qualidade de frutos. Em 2007 o Brasil representava o 7º lugar no ranking de maiores produtores de manga do mundo, cuja Índia representava o 1º lugar.

Referência Bibliográfica:
http://www.todafruta.com.br/todafruta/noticias_su.asp?menu=212
http://www.brazilianfruit.org.br/Informacoes_para_o_Consumidor/Consumidor_manga.asp?Produto=5
http://sistemasdeproducao.cnptia.embrapa.br/FontesHTML/Manga/CultivodaMangueira/socioeconomia.htm