Predicativo

Por Ana Paula de Araújo
Predicativo é o termo que confere ao sujeito ou ao objeto uma qualidade, uma característica. Existem dois tipos de predicativo: o PREDICATIVO DO SUJEITO e o PREDICATIVO DO OBJETO.

PREDICATIVO DO SUJEITO: termo que caracteriza o sujeito da oração.

Ex:

Ela entrou em casa apressada.

PREDICATIVO DO OBJETO: termo que caracteriza o objeto direto da oração.

Ex:

Ela viu um homem apressado.

Dependendo do contexto, alguns verbos não têm em si uma significação definida, ou seja, não são verbos significativos, são apenas verbos de ligação. Por terem um significado apenas gramatical, necessitam de um complemente especial que atribua o principal significado do predicado. Este complemento é o predicativo. O predicativo exprime um estado ou qualidade atribuídos ao sujeito ou ao objeto.

Alguns destes verbos são: SER, ESTAR, FICAR, TORNAR-SE, CONTINUAR, PARECER, etc.

Vários verbos significativos podem também assumir valor de verbos de ligação, como é o caso dos já referidos estar, ficar, andar, permanecer, continuar, parecer, vir.

Os predicativos assumem papel de núcleo do predicado, portanto ao aparecerem, o predicado pode ser classificado como NOMINAL (quando o predicativo do sujeito assume papel de único núcleo) ou como VERBO-NOMINAL (quando se tem dois núcleos, um constituído pelo verbo da oração e o outro pelo predicativo).

Exemplos:

  • Ele está triste. (Predicativo do Sujeito)
  • Os alunos são inteligentes. (Predicativo do Sujeito)
  • O trem está quebrado. (Predicativo do Sujeito)
  • Nomeei José o meu secretário. (Predicativo do Objeto)
  • Chamei-o de ladrão. (Predicativo do Objeto)
  • António Guterres é primeiro-ministro. (Predicativo do Sujeito)
  • Fumar é um vício.  (Predicativo do Sujeito)
  • A garota é estudiosa. (Predicativo do Sujeito)
  • O mais puro amor é o de mãe.  (Predicativo do Sujeito)
  • O professor sou eu. (Predicativo do Sujeito)
  • Os alunos éramos nós.  (Predicativo do Sujeito)
  • Meus melhores amigos são apenas dois.  (Predicativo do Sujeito)
  • O vilarejo finalmente elegeu Otaviano prefeito. (Predicativo do Objeto)
  • Os policiais pediam calma absoluta. (Predicativo do Objeto)
  • Todos julgavam-no culpado. (Predicativo do Objeto)
  • Chamavam-lhe falsário, sem notar-lhe suas verdades. (Predicativo do Objeto)
  • Marina continua alegre.  (Predicativo do Sujeito)
  • Vocês serão felizes.  (Predicativo do Sujeito)
  • Camila chegou feliz.  (Predicativo do Sujeito)
  • Ele foi considerado inocente.  (Predicativo do Objeto)