Cefalocordados

Cephalochordata é um dos subfilos do filo Chordata com mais ou menos 30 espécies. Cefalocordados são animais pequenos (centímetros de comprimento) finos, com corpo achatado lateralmente (como o corpo dos peixes), transparentes e vivem enterrados em substratos arenosos deixando apenas a cabeça aparente. São representados atualmente pelos anfioxos.

Estrutura corporal

Branchiostoma cultellus. Ilustração: autor desconhecido. [domínio público] / via Wikimedia Commons

Branchiostoma cultellus. Ilustração: autor desconhecido. [domínio público] / via Wikimedia Commons

O corpo dos anfioxos é composto por músculos longitudinais (na horizontal) que são divididos por blocos chamados miotomos. A notocorda se mantém nos adultos dando uma estrutura mais forte ao corpo.

Alimentação

Os anfioxos têm uma abertura por onde a água entra, o átrio, sendo a saída da água o atrioporo. A água, é direcionada para a boca pelos cílios existentes na faringe. Na faringe ela passa pelas fendas faríngeas, onde partículas que servem de comida ficam presas no muco. Depois, o alimento vai para o ceco hepático para ser fagocitado e digerido. No intestino o bolo alimentar é levado para a abertura de excreção por cílios.

Sistema circulatório

O sistema circulatório é fechado. O sangue da aorta ventral passa pelas artérias brânquias, na faringe, e depois se junta a aorta dorsal. A partir de então o sangue é levado para todas os órgãos do corpo por meio dos capilares, sai pelas veias e volta para aorta dorsal.

Sistema respiratório

As brânquias nos anfioxos tem um papel pequeno na realização da troca gasosa. A maior parte da troca gasosa é feita por finas dobras que existem na superfície corporal do anfioxo.

Sistema nervoso

O centro do sistema nervoso está localizado em volta do cordão nervoso, acima da notocorda. Do músculo sem duas raízes dos nervos espinhais que se espalham pelo corpo indo para os órgãos sensoriais. Estes são ocelos que percebem a presença de luz e vários sensores táteis pelo corpo que são muito importantes quando eles se enterram na areia.

Sistema reprodutor

Os anfioxos são dioicos, cada indivíduo tem um sistema reprodutor feminino ou masculino com até 40 pares de gônadas (órgãos que produzem os gametas) próximo ao átrio. Os gametas são depositados no átrio e depois liberados para o meio pelo atrioporo, portanto, a fecundação dos cefalocordados é externa. O desenvolvimento é indireto, pois passa por fase larval. As larvas são livre-natantes e se alimentam de plâncton.

Sistema excretor

O sistema excretor é composto por protonefrídios que filtram os líquidos corporais do anfioxo e liberam os excretas nitrogenados para o átrio pelos ductos dos nefrídios, sendo, a partir daí liberados para o meio pelo atriporo.

Referências bibliográficas:

Hickman, Princípios integrados de zoologia 14 edição, 2008 – Páginas 504 e 505

Brusca & Brusca, Invertebrados, 2 edição, 2007 – Páginas 901 a 904

Arquivado em: Cordados