Substantivo epiceno

Mestra em Letras e Linguística (UFG, 2016)
Licenciada em Letras-Português (UFG, 2009)

Publicado em 05/06/2022
Ouça este artigo:

Os substantivos são a classe de palavras variáveis que nomeiam pessoas, animais, lugares, objetos, sentimentos. Em Língua Portuguesa, todos os substantivos sofrem a flexão de gênero gramatical em feminino ou masculino.

Os substantivos uniformes são aqueles que apresentam apenas uma forma para representar os gêneros masculino e feminino dos seres. Eles são classificados em: Epiceno, Comum de dois gêneros e Sobrecomum.

Epiceno

Os substantivos epicenos apresentam uma só forma para ambos os gêneros, sendo antecedidos por artigos ou pronomes adjetivos masculinos ou femininos e seguidos das palavras macho e fêmea.

Exemplos:

  • a cobra
  • a onça
  • a girafa
  • a baleia
  • a barata
  • a borboleta
  • a girafa
  • a andorinha
  • a águia
  • o jacaré
  • o sabiá
  • o tatu
  • a anta
  • a arara
  • a borboleta
  • o canguru
  • o caranguejo
  • a coruja
  • o crocodilo
  • o escorpião
  • a formiga
  • a mosca
  • a onça
  • a pantera
  • o pernilongoo
  • a piranha
  • a rã
  • a raposa
  • a lagarta
  • a tartaruga
  • o urubu
  • a zebra
  • o piolho
  • a lagartixa
  • o tubarão
  • o peixe

 

  • A andorinha fêmea.
  • A andorinha macho.
  • O urubu fêmea.
  • O urubu macho.

Diferença entre substantivo epiceno e substantivo sobrecomum

Enquanto os substantivos epicenos apresentam uma só forma para ambos os gêneros, sendo antecedidos por artigos ou pronomes adjetivos masculinos ou femininos e seguidos das palavras macho e fêmea, os substantivos sobrecomuns apresentam um único gênero gramatical para designar tanto seres do sexo feminino, quanto seres do sexo masculino.

Exemplos:

  • o apóstolo
  • o cônjuge
  • a criança
  • a testemunha
  • o algoz
  • o carrasco
  • o indivíduo
  • o monstro
  • a pessoa
  • a vítima
  • o animal
  • o sujeito
  • o texto
  • o manequim
  • a fala

Diferença entre substantivo epiceno e substantivo comum de dois gêneros

O substantivo comum de dois gêneros apresenta a mesma forma para designar os gêneros masculino e feminino. O que os diferencia é a anteposição de artigos ou pronomes adjetivos masculinos ou femininos.

Exemplos:

  • o / a gerente
  • o / a dentista
  • o / a docente
  • o / a artista
  • o / a analista
  • o / a agente
  • o / a indígena
  • o / a colega
  • o / a camarada
  • o / a estudante
  • o / a jornalista
  • o / a pianista
  • o / a atleta
  • o / a acrobata
  • o / a intérprete
  • o / a patriota
  • o / a mártir
  • o / a lojista
  • o / a viajante
  • o / a médium
  • o / a porta-voz
  • o / a camelô
  • o / a fã
  • o / a chofer
  • o / a líder
  • o / a hóspede
  • o / a turista

Na Língua Portuguesa há substantivos que mudam de significado quando a marcação de gênero é modificada pelos artigos femininos ou masculinos. Veja:

    • o capital (o dinheiro)
    • a capital (a cidade-referência de um Estado)
    • o moral (brio, ânimo)
    • a moral (valores e regras comportamentais)
    • a cabeça (parte do corpo)
    • o cabeça (o chefe, o líder)
    • o caixa (o funcionário, eletrônico)
    • a caixa (objeto)
    • o guia (aquele que guia o caminho)
  • a guia (documento, formulário)
  • o guarda (o soldado)
  • a guarda (vigilância, corporação)
  • o grama (unidade de medida)
  • a grama (relva, capim)
  • o coma (estado de sono permanente)
  • a coma (cabeleira, juba)

Aprenda mais estudando sobre os substantivos uniformes e biformes e substantivos de gêneros vacilantes.

Arquivado em: Português