Síntese química

Graduação em Química (Centro Universitário Franciscano, UNIFRA, 2014)

As pesquisas na área de Química existem hoje em dia de forma extensiva e a síntese química é uma das principais. Muitas empresas e indústrias incentivam esse tipo de pesquisa pois estas buscam sintetizar novos compostos e que tenham geralmente uma boa relação custo-benefício. Hoje em dia também são estudados métodos que poluam menos o ambiente durante a reação, que gerem menos resíduos e que o composto não seja tão nocivo ao ambiente.

Uma reação de síntese é aquela que adiciona dois ou mais reagentes simples para formar um produto mais complexo. Essas reações podem ser feitas tendo em vista compostos já conhecidos e presentes na natureza por exemplo ou criar novos compostos.

O ácido salicílico, encontrado na folha do salgueiro, é um bom exemplo de composto natural e que é sintetizado em laboratório de forma a trazer um método mais econômico e eficiente ao processo. Ele vem sendo estudado desde muitos anos pelo seu efeito analgésico e depois de ter sido demonstrado que esta molécula agredia o estômago foi adicionado um radical acetil fazendo com que isso não mais ocorresse. Após essa adição ele ficou conhecido como AAS, ou Ácido acetil salicílico.

Abaixo temos a última etapa da reação de obtenção do Ácido Acetilsalicílico. Lembrando que uma síntese química pode ter uma ou várias etapas, dependendo da complexidade do produto a ser obtido.

Já para os produtos que ainda não existem são utilizadas primeiro simulações em computadores e modelagem matemática para depois serem realmente testados em laboratório caso apresentem viabilidade.

Os fatores que influenciam uma reação de síntese são: a cinética da reação; a qualidade dos reagentes e do equipamento utilizado; a pureza do produto e o ambiente reacional.

Os tipos de síntese são os mais diversos e entre eles: as reações de formação de polímeros, organometálicos e com a utilização dos mais diferentes tipos de catalisadores (metais, compostos orgânicos ou organometálicos). Apenas levando em conta a síntese de polímeros já podemos perceber o quanto essa técnica contribui para o desenvolvimento dos mais diversos tipos de indústrias.

Arquivado em: Química