Como o álcool-gel destrói o Coronavírus

Mestre em Pesquisa Clínica em Doenças Infecciosas (FIOCRUZ, 2011)
Graduada em Biologia (UGF-RJ, 1993)

Coronavírus é o vírus causador da pandemia da COVID-19. Possuem RNA (ácido ribonucléico) de fita simples. Morfologicamente são esféricos e possuem numerosas espículas na sua superfície, ocasionando uma aparência de coroa solar (corona em latim) ao vírus.

O envelope do vírus é formado por um grupo fosfato e lipídios (gordura), e tem por função proteger o vírus no ambiente e reconhecer as células hospedeiras para infectá-las. Por possuir uma camada de gordura no seu envelope, o vírus é sensível a detergentes, sabões e solventes de gordura. Desde o início da pandemia, tem se falado que uma das recomendações de prevenção à infecção do Coronavírus é lavar as mãos com frequência até a altura dos punhos, com água e sabão ou higienizar o local com álcool gel em 70%, principalmente quando estiver em ambientes públicos, sem condições de realizar a higiene com sabão, pois o vírus pode permanecer nas diferentes superfícies.

O álcool é um microbicida que possui características anti-sépticas e desinfetantes. Esta atividade microbiana vai depender da sua concentração em relação à água. Quando está em concentração de 70%, ele possui a quantidade exata de água que facilita a entrada de álcool no interior do Coronavírus.

Álcool em gel

Foto: CGN089 / Shutterstock.com

É o mais indicado para higienização das mãos e da pele de um modo geral, por dois motivos: o primeiro é a segurança, pois ele não se espalha rapidamente como o álcool líquido, evitando acidentes. O segundo motivo é que ele possui, na sua fórmula, um hidratante na sua composição, evitando o ressecamento da pele. Deve-se esperar o produto secar na pele durante pelo menos 3 minutos antes de ter contato com algo quente, para minimizar riscos de queimaduras.

Como o álcool em gel elimina o coronavírus

A água impede a desidratação da parede celular externa do vírus, retardando a evaporação do álcool e permitindo maior tempo de contato do álcool com o interior do micro-organismo, resultando na sua total destruição. Álcoois que possuem concentração em 99,6% (absoluto) ou 92,8% são ineficazes no combate ao Coronavírus, pois evaporam com extrema rapidez, não tendo efeito no combate ao vírus. Álcoois com concentração inferior a 70% são ineficazes também, pois não conseguem eliminar o Coronavírus, servindo apenas para limpeza. A Organização Mundial da Saúde recomenda que seja utilizado álcool 70% para evitar a contaminação pelo Coronavírus.

Cuidados na utilização e armazenamento do álcool

O álcool é uma substância muito volátil, que pega fogo com facilidade, e é preciso muito cuidado na hora de armazenar álcool em casa. Não é recomendado deixá-lo exposto ao sol ou perto de locais que podem se aquecer, como fogão. Também não é recomendado deixar o álcool ao alcance de crianças, animais domésticos e idosos. O álcool 70% se tornou o método mais eficiente para a eliminação do Coronavírus da nossa pele e de diferentes superfícies.

Bibliografia:

Conhecer química: uma arma contra o coronavírus. Disponível em: https://www.pucrs.br/mct/conhecer-quimica-uma-arma-contra-o-coronavirus/ Acessado em 26/10/2020.

Coronavírus, Covid-19, SARSCoV-2 e outros – um ponto de vista virológico. Disponível em https://www.ufrgs.br/jornal/coronavirus-covid-19-sarscov-2-e-outros-um-ponto-de-vista-virologico/ Acessado em 09/07/2020.

COVID-19: Saiba qual tipo de álcool é eficaz no combate ao coronavírus e os cuidados necessários para evitar acidentes. Disponível em https://site.ucdb.br/noticias/ucdb/6/covid-19-saiba-qual-tipo-de-alcool-e-eficaz-no-combate-ao-coronavirus-e-os-cuidados-necessarios-para-evitar-acidentes/59745/ Acessado em 26/10/2020.

Sabão e álcool gel: como a química auxilia na luta contra a Covid-19. Disponível em: https://www.pucrs.br/mct/conhecer-quimica-uma-arma-contra-o-coronavirus/ Acessado em 26/10/2020.

Saiba por que o recomendado é o álcool 70% . Disponível em http://blog.saude.mg.gov.br/2020/04/03/saiba-por-que-o-recomendado-e-o-alcool-70/ Acessado em 26/10/2020.

Um guia do novo coronavírus. Disponível em: https://revistapesquisa.fapesp.br/um-guia-do-novo-coronavirus/ Acessado em 09/07/2020.

AVISO LEGAL: As informações disponibilizadas nesta página devem apenas ser utilizadas para fins informacionais, não podendo, jamais, serem utilizadas em substituição a um diagnóstico médico por um profissional habilitado. Os autores deste site se eximem de qualquer responsabilidade legal advinda da má utilização das informações aqui publicadas.
Arquivado em: Saúde