Noite de Reis

Noite de Reis é uma das peças teatrais de estilo cômico do grande dramaturgo inglês William Shakespeare. Seu título se refere à tradição cultural inglesa da décima segunda noite após os festejos natalinos, que incide sobre o dia 6 de janeiro, Dia de Reis nas comunidades cristãs.

É habitual na Inglaterra que, neste dia, uns presenteiem os outros, e a pauta deste momento é a mais completa diversão, na era elizabetana. É neste contexto que, no reino de Illrya, algumas pessoas não conseguem se empolgar nesta data especial. Uma delas é Malvólio, que não aceita brincadeiras e acaba sendo alvo de gracejos por parte de Sir Toby e sua serviçal Maria.

Ambos induzem o personagem a acreditar que a sobrinha de Toby, Olívia – que não consegue também ceder aos prazeres desta noite, pois está em luto pelo falecimento de seu irmão – está caindo de amores por ele. Não contentes, os dois ainda o levam a crer que, para melhor conquistá-la, ele deve usar meias na tonalidade amarela e ligas, além de não cessar de sorrir para a moça, a qual pensa que o homem enlouqueceu. Para completar, Malvólio é trancafiado em um aposento sem luz por Feste, o bobo da residência, como se estivesse realmente louco.

Quanto à tristeza de Olívia, logo evapora quando ela conhece Cesário – na verdade, Viola, travestida de homem após um naufrágio, no qual pensa ter perdido o irmão gêmeo – e se apaixona por ele. Mas, nesta história, além da troca de identidades e de gêneros, há também uma intrincada rede de amores não correspondidos. Cesário está a serviço do duque Orsino, que acredita amar Olívia; a moça também é disputada por Malvólio e Sir Andrew, amigo de seu tio. Já Viola, que se oculta atrás da máscara masculina, vê seu coração ser ocupado por Orsino.

A engenhosidade de Shakespeare se revela nesta trama, entretecida por falsas identidades, afetos mal resolvidos e incompreendidos, sentimentos que se revelam não concretizáveis, mas que, na verdade, têm um desfecho feliz. Nesta comédia amorosa tudo parece imutável em um momento, e no instante seguinte as coisas mudam tranquilamente.

Ora a pessoa nutre uma paixão por um determinado ser, ora o objeto de seu desejo se transforma em outro. Esta instabilidade afetiva demonstra, de certa forma, uma certa descrença do autor em relação ao amor, ou quem sabe apenas um eventual ceticismo neste contexto particular.

A verdade é que, na narrativa, tudo muda quando Sebastian, o irmão de Viola que, na verdade, sobreviveu ao naufrágio, desembarca na cidade com um antigo adversário de Orsino, Antônio. Olívia encontra o rapaz e, acreditando estar diante de Cesário, o pede em casamento, sendo aceita por seu pretendente.

Orsino decide rever sua amada e vai até sua casa em companhia de Cesário. Inicialmente os acontecimentos se confundem, mas, depois dos devidos esclarecimentos, o duque descobre que ama Viola, e Sebastian se casa com Olívia. Toby também se une a Maria e até Malvólio é libertado de sua cela improvisada.

Fontes:
http://www.netsaber.com.br/resumos/ver_resumo_c_1257.html
http://www.lpm-editores.com.br/site/default.asp?Template=../livros/layout_produto.asp&CategoriaID=619066&ID=826061
http://pt.wikipedia.org/wiki/Twelfth_Night

Arquivado em: Teatro