Júlio Prestes

Por Fernando Rebouças
Júlio Prestes foi um presidente eleito do Brasil , mas que nunca tomou posse. Nasceu em 15 de março de 1882, em Itapetininga, estado de São Paulo; e faleceu em 9 de fevereiro de 1946, na capital paulista.

Nos estudos formou-se em bacharelado de Direito pela Faculdade de São Paulo em 1906. Filho de político, coronel Fernando Prestes de Albuquerque, que já havia sido deputado e presidente de estado.

O seu pai o incentivou a ingressar na política, elegendo-se deputado estadual em 1909. Foi eleito governador do Estado de São Paulo em 1927.Como governador iniciou a construção da estação São Paulo da Estrada de Ferro Sorocabana, batizada em sua homenagem de Estação Júlio Prestes.

Júlio PrestesEm 1929, foi indicado por Washington Luís à sucessão presidencial, candidatou-se à presidência em 1930. A indicação desagradou Minas Gerais, pois era esperado a indicação de um político mineiro para manter a alternância de poder entre São Paulo e Minas.

Foi vencedor nas urnas,  recebido como presidente eleito em Washington, Paris e Londres, mas não assumiu em virtude da Revolução de 1930, que abriria portas para Getúlio Vargas.

Em virtude da Revolução, Júlio Prestes entregou o poder a Getúlio Vargas no dia 3 de novembro, e pela pressão política, solicitou asilo político no consulado britânico. Viveu exilado até 1934, quando retornou ao Brasil, passou a trabalhar no cultivo de algodão na cidade de Itapetininga.

Em 1945, voltou às atividades políticas ao fundar a União Democrática Nacional (UDN), tornando-se membro da comissão diretora do partido.

Fontes:
http://educacao.uol.com.br/biografias/ult1789u74.jhtm
http://pt.wikipedia.org/wiki/Júlio_Prestes
http://www.cpdoc.fgv.br/nav_historia/htm/biografias/ev_bio_julioprestes.htm