Biogeografia

Por Emerson Santiago
Biogeografia é a ciência dedicada ao estudo da distribuição geográfica dos seres vivos no espaço através do tempo buscando entender os padrões de organização espacial e os processos que levaram a tais disposições biológicas. Esta ciência tem um aspecto multifacetado, englobando conhecimentos de diversas outras ciências como biologia, climatologia, geografia, geologia, ecologia e ciência da evolução.

O tema central de estudos da biogeografia gira em torno do estudo da evolução das espécies e o modo como as diversas condições ambientais possíveis influem no desenvolvimento da vida. Combinar as diferentes variáveis responsáveis pela ocorrência de vida e traçar uma "receita" para a existência da mesma em um determinado ambiente são os objetivos principais dos estudiosos dedicados à biogeografia.

As origens desta ciência encontram-se nos estudos de Alfred Russel Wallace no arquipélago malaio. Ele descreveu inúmeras espécies desse arquipélago e notou que a norte, em determinada área, as espécies eram relacionadas com espécies do continente asiático enquanto que, nas ilhas mais ao sul, as espécies tinham ligação com as espécies do continente australiano. Esta conclusão levou a uma posterior delimitação e mapeamento das áreas estudadas por Wallace, sendo que tais áreas receberam mais tarde a denominação de "Linha de Wallace".

Seguindo o espírito deste estudo inicial, as diversas regiões do planeta foram sendo gradualmente mapeadas, pesquisadas e catalogadas. As principais divisões receberam o nome de "divisões biogeográficas", a saber:

  • Região Paleártica: Compreende todo o continente europeu, norte da África até o deserto do Saara, o norte da Península Arábica e toda Ásia ao norte do Himalaia, incluindo China e Japão.
  • Região Neoártica: Toda a América do Norte, indo até a fronteira sul do México.
  • Região Neotropical: Estende-se do centro do México até o extremo sul da América do Sul.
  • Região afro-tropical ou etiópica: compreende a África sub-saariana e os dois terços mais ao sul da península arábica.
  • Região indo-malaia: composta pelo subcontinente indiano, sul da China, Indochina, Filipinas e a metade Ocidental da Indonésia.
  • Região australiana: o restante mais a leste da Indonésia, ilha de Nova Guiné, Austrália e Nova Zelândia.
  • Região oceânica: as demais ilhas do oceano Pacífico.
  • Região antártica: correspondente ao continente e ao oceano com o mesmo nome.

Regiões biogeográficas

Chamamos de região holártica (ou holártico) o conjunto resultante das regiões paleártica e neoártica.

A classificação acima aplica-se a seres viventes em terra firme ou seca. Em relação aos oceanos temos as "regiões biogeográficas marinhas", que são definidas por meio das correntes oceânicas ou ainda pelas zonas climáticas, limites mais ou menos exatos para os seres vivos marinhos. Modernamente temos a definição de ecossistema marinho como a unidade de estudo dessas grandes regiões biogeográficas.

Bibliografia:
http://www.ib.usp.br/~silvionihei/biogeografia.htm - Introdução à Biogeografia site do Instituto de Biociências da USP.
http://www.ambientebrasil.com.br/composer.php3?base=./natural/index.html&conteudo=./natural/artigos/biogeografia.html
- Biogeografia - Portal Ambiental
http://www.aultimaarcadenoe.com/biogeografia.htm - Programa Ambiental "A Última Arca de Noé".
http://animaldiversity.ummz.umich.edu/site/glossary/page/g_h.html