Isótopos

Por Lilian Souza Pereira
Para a compreensão do conceito de isótopo, se faz necessário entender algumas características dos átomos.

Cada átomo algumas características que o identificam. O número de massa é a soma de prótons e nêutrons do átomo. O número atômico corresponde ao número de prótons existentes no núcleo do átomo e é importante porque determina qual é o elemento químico, já que cada elemento tem o mesmo número de prótons sempre. O Cálcio, por exemplo, possui o número atômico (Z) igual a 20.

Os isótopos são dois átomos do mesmo elemento químico com números de massa (A) diferentes e números atômicos (Z) iguais. A diferença se encontra no número de nêutrons. Os isótopos podem diferir em algumas características, como a densidade.

O Hidrogênio possui três isótopos estáveis: o prótio, com um próton e nenhum nêutron - corresponde a 99,98% de todos os átomos de hidrogênio; o deutério, com um nêutron e o trítio, com dois nêutrons. Em laboratório já foram construídos isótopos de hidrogênio com até seis nêutrons. Não apenas com o Hidrogênio, mas na natureza há muitos isótopos, como o Carbono.

O radioisótopo, por sua vez, é o átomo que apresenta um núcleo radioativo. Quando o radioisótopo se transforma em um isótopo, libera uma energia chamada de partículas alfa, partículas beta ou radiação gama. Os radioisótopos são muito utilizados em tratamentos médicos e diagnósticos.

O Carbono 14, utilizado para a datação de fósseis, podendo datar objetos de milhões de anos, é um isótopo radioativo, além disso, pode ser utilizado em estimação e pesquisa de velocidade e fluxo de águas subterrâneas, recurso especialmente importante em razão da escassez e poluição crescentes de águas superficiais.

Além do Hidrogênio e Carbono, outro isótopo encontrado em abundância na natureza é o Cloro, havendo os elementos Cl-35 e Cl-37.

Fontes:
AMARAL, Luciano do. Química. Loyola: São Paulo. 1995.

ZAGATTO, E.; CRISTINA, A.; CALHEIROS, D.; FURLAN, S. Isótopos de Carbono em Estudos Ambientais. 15 p. 2000. Disponível em http://web.cena.usp.br/apostilas/Zagatto/FAN2-CarbonoAmbiente.doc. Acesso em 29 de jan. 2010.