Artéria

Por Marcelo Oliveira
A artéria aorta é responsável pelo transporte do sangue a partir do ventrículo esquerdo do coração para o resto do corpo. Ela se divide em artérias menores, que distribuem o o sangue oxigenado e os nutrientes às células. O sangue venoso depois retorna para o coração pelas veias cavas trazendo o dióxido de carbono (CO2).

A pressão arterial varia entre a pressão sistólica, quando atinge seu máximo durante a contração cardíaca, e a pressão diastólica, que ocorre no momento em que o coração relaxa entre os ciclos, e a diferença entre essas duas pressões é chamada de pulso, que pode ser afetada por um débito sistólico cardíaco, a complacência tardia ou o caráter da ejeção do sangue a partir do coração.

Essa variação de pressão produz uma pulsação indicadora de atividade cardíaca.

As paredes das artérias são espessas e formadas por tecidos muscular elástico. Possuem três camadas chamadas de túnica:

  • Túnica adventícia: é a camada mais externa, formada por tecido conjuntivo;
  • Túnica média: é a camada intermediária, composta de célula musculares lisa e tecido elástico;
  • Túnica intima: é a camada interna, composta de células endoteliais, e que possui contato direto com o fluxo sanguíneo.
Estrutura básica de uma artéria (arte: Marcelo Oliveira)

Estrutura básica de uma artéria (arte: Marcelo Oliveira)

A cavidade por onde flui o sangue pela artéria chama-se luz. Enquanto que as paredes, ao contrário das veias, não perdem sua forma tubular quando não transportam o sangue.

Há vários tipos de artérias em nosso corpo, são elas:

  • Artérias pulmonares: carregam o sangue pobre em oxigênio do coração para os pulmões para que o dióxido de carbono seja substituído pelo oxigênio; são as únicas artérias que carregam sangue venoso.
  • Artérias sistêmicas: levam o sangue para as arteríolas e de lá para os capilares, onde são trocados os nutrientes e gases;
  • Arteríolas: ramificações das artérias, têm como função regular a pressão sanguínea e direcionar o sangue aos capilares;
  • Artéria aorta: é a artéria raiz do sistema arterial porque recebe o sangue diretamente do ventrículo esquerdo do coração enviando esse sangue para todo o corpo.

As arteríolas são a principal influência tanto no fluxo sanguíneo local quanto na pressão sanguínea geral. Isso porque as arteríolas auxiliam no controle da pressão sanguínea e conduzem a quantidade certa de sangue até os capilares.

Doenças e Problemas relacionados às Artérias

A pressão de pulso na velhice aumenta até duas vezes do normal, isso ocorre porque as artérias ficam endurecidas pela arteriosclerose.

Na estenose aortica o diâmetro da abertura da valva aortica é reduzido e a pressão de pulso é diminuída devido à redução de fluxo sanguíneo, que é ejetado.

Na persistência do canal arterial, o sangue que sai do ventrículo esquerdo volta imediatamente pelo canal que permanece aberto, fazendo com que a pressão diastólica caia para volumes muito baixos.

Na insuficiência aortica, a valva aortica não se fecha, permitindo com que o sangue retorne ao ventrículo esquerdo, o que resultará em queda de pressão aortica entre os batimentos cardíacos.

Leia também:

  1. Sistema Circulatório
  2. Veias

Fontes:
Berne, Robert M., Levy, Matthew N., Koeppen, Bruce M. e Staton. Bruce A.. Fisiologia, Rio de Janeiro: Elsevier, 2004.
Guyton, Arthur C. e Hall, John E.. Tratado de Fisiologia Médica, Rio de Janeiro: Elsevier, 2006.
http://pt.wikipedia.org/wiki/Arteria. acesso em 25 de novembro de 2009
http://www.todabiologia.com/anatomia/arterias.htm. acesso em 25 de novembro de 2009.
http://www.medipedia.pt/home/home.php?module=artigoEnc&id=98. acesso em 25 de novembro de 2009.