Antígua e Barbuda

Publicado em 23/06/2022
Ouça este artigo:

Antígua e Barbuda são ilhas com localização no oceano Atlântico Norte. Situadas nas proximidades do mar do Caribe, fazem parte das Pequenas Antilhas. Em relação ao território, Antígua e Barbuda contam com uma área de 442,6 km². O país é composto por Barbuda, Redonda e Antígua. Sem fronteiras terrestres, a nação tem em seu entorno como locais mais próximos: Guadalupe, Montserrat, Névis, São Cristóvão e as Antilhas Holandesas. O inglês é utilizado como o idioma oficial.

Segundo censo realizado no país em 2010, a população de Antígua e Barbuda é de 87,2 mil habitantes. A capital das ilhas é Saint John’s, onde estão 22 mil do total de cidadãos. Devido a fatores históricos, os negros são 90% dos habitantes. Assim como em todos os países do Caribe, no período de colonização a nação recebeu milhares de africanos que tiveram a força de trabalho escravizada para extrair as riquezas naturais. Ameríndios, indianos, brancos e mestiços são as populações minoritárias da região.

Localização de Antígua e Barbuda no mar do Caribe.

Primeiros habitantes

Antígua era habitada pelos siboney e pelos caribes, primeiros nativos da região. O território foi avistado por Cristóvão Colombo em sua segunda viagem (1493). O nome das ilhas foi uma homenagem de Colombo à Santa Maria de la Antígua de Sevilha, igreja localizada na Espanha.

Colonização pela Inglaterra

A partir de 1632 os ingleses de Saint Kitts, território vizinho, tomaram a terras de Antígua para o domínio da Coroa da Grã-Bretanha. Thomas Warner foi o principal personagem deste processo de colonização. O tabaco teve seu cultivo em um primeiro momento daquele período, mas foi trocado pela cana-de-açúcar em meados do século XVII. A manufatura do açúcar teve seu auge no século XVIII. A metrópole optou pela abolição da escravidão em 1834, tanto em Antígua como em todas as colônias que havia explorado. Porém, isso não melhorou a condição dos africanos e, ao longo dos anos, também não foi capaz de prover alterações na vida de seus descendentes.

Bandeira de Antígua e Barbuda.

Século XX

O PTA (Partido Trabalhista de Antígua) foi o primeiro grupo político de Antígua e Barbuda. Suas origens remetem a uma bifurcação referente à ATLU – Antigua Trades and Labor Union – que era uma espécie de força sindical de trabalhadores existente desde 1940. Vere Cornwall Bird foi o nome mais importante deste agrupamento e seu nome é de suma importância na história do país. Em 1946 ele fundou o PTA. A conquista do sufrágio universal adulto só ocorreu no ano de 1951.

Ao final da década de 1950, Antígua e Barbuda tornaram-se parte da Federação das Índias Ocidentais, grupo de territórios da Grã-Bretanha. Após dois anos, aprovou-se uma Constituição nova que concedia maior poder de decisão para o governo do país. Assim, o PTA venceu as eleições. Em 1966 Bird ocupou o cargo de primeiro-ministro. Um ano depois, Antígua foi o território do Caribe oriental que primeiro recebeu o status de Estado ligado à comunidade britânica. Com isso, foi possível a realização do autogoverno e eleição de políticos do Parlamento a partir de votação popular autóctone. As ilhas vieram a se tornar parte da British Commonwealth, e assim os britânicos direcionavam a política da região segundo seus interesses.

Em 1971 o governo passou a ser liderado pelo PLM (Partido Trabalhista Progressista), sob a liderança de George Walter. Após cinco anos, Bird volta ao poder e começou a negociar a emancipação de Antígua e Barbuda com a metrópole bretã. Em 1981 o país conquistou sua independência. Da mesma forma, Bird se manteve no poder até o ano de 1994.

Em 2004, Bird faleceu. Naquele mesmo ano, Baldwin Spencer, do Partido Progressista Unido (UPP), ganhou a eleição. Oriundo do operariado, Spencer prometeu focar na luta contra a corrupção. Em 2014, Gaston Browne, do PTA, substituiu Spencer.

Bibliografia:

Sader, E., Jinkings, I., Nobile, R., & Martins, C. E. (2006). Latinoamericana: enciclopédia contemporânea da América Latina e do Caribe. São Paulo: Boitempo Editorial/ Laboratório de Políticas Públicas (LPP).

https://ab.gov.ag/detail_page.php?page=24

http://www.antigua-barbuda.org/aghis01.htm

https://www.newworldencyclopedia.org/entry/Antigua_and_Barbuda

Arquivado em: América