Montanhas Rochosas

Licenciada em Geografia (UFG, 2003)

As Montanhas Rochosas são um conjunto de montanhas localizada no oeste da América do Norte, tem uma extensão de mais de 4.800 km, e entre 110 e 480 km de largura. Sua altitude média é de 1200 metros. Devido sua dimensão, é um fator determinante para as condições naturais e humanas do local em que se situa.

Localização

As Montanhas Rochosas (ou Rocky Mountains) estão situadas na parte ocidental da América do Norte, partindo do Novo México, nos Estados Unidos, até a província da Colúmbia Britânica, no Canadá. Seu pico mais alto é o Monte Elbert, com 4.401 metros de altitude, localizado no estado americano do Colorado.

 

Localização das Montanhas Rochosas. Mapa: Demis.nl / via Wikimedia Commons

 

Montanhas Rochosas vistas do Colorado, EUA. Foto: Alexey Kamenskiy / Shutterstock.com

Formação e estrutura geológica

As montanhas foram formadas a partir do processo de tectônica de placas que os geólogos denominam como dobramentos modernos. Tem sua gênese há aproximadamente 70 milhões de anos, na era Cenozoica. É considerada um grande enigma geológico, pois geralmente este tipo de formação ocorre numa faixa entre 300 e 600 km da costa, e não tão distante, como neste caso.

Seus principais agentes erosivos são a água e as geleiras que lá se encontram, formando vales e seus característicos picos íngremes.

Clima e características hidrológicas

Seu típico clima frio de alta montanha, varia de acordo com a altitude. A temperatura média é de 6°, e varia muito de acordo com a estações do ano. Os verões são amenos e secos, no mês de julho é quando se têm as maiores temperaturas, que alcançam até 25°. Os invernos, são mais úmidos e frios, e é comum ter temperaturas abaixo de 0°, podendo cair até -14°. A precipitação média é de 360 mm anuais.

As Montanhas Rochosas são um importante divisor de águas, e constitui um limite geográfico que separa a região em inúmeras bacias hidrográficas. Os rios que correm a partir dela deságuam em 3 oceanos diferentes, o Atlântico, o Pacífico e o Ártico.

Montanhas Rochosas. Foto: Sean Linehan / NOAA / NOS/NGS [public-domain].

Principais atividades econômicas

Embora o extrativismo mineral, a agricultura e a silvicultura sejam atividades importantes na região das Rochosas, é o turismo que desempenha significativo impacto econômico.

Existem inúmeros parques nacionais na região das Rochosas, tanto em território americano quanto em território canadense, que atraem milhares de visitantes durante todo o ano. A transformação da montanha em parques naturais busca aliar a conservação dos recursos naturais e a atividade turística. No inverno oferece maiores opções de esportes radicais como o esqui, entretanto é no verão que ocorre maior ocorrência de visitas, favorecendo a prática de escalada, camping e trilhas.

Ocupação humana

A ocupações humana das Montanhas Rochosas datam de 11.000 anos, quando era o habitat natural primeiro dos paleoíndios – os chamados nativos americanos – e mais tarde para os indígenas de diversas tribos.

Com as primeiras explorações colonizadoras várias populações nativas foram erradicadas ou expulsas de seus locais de origem, e obrigadas a se realocar em outras regiões. O contato dos colonizadores com os indígenas alteraram sua forma de vida e suas culturas profundamente.

O terreno acidentado e o clima hostil, fizeram com que esta porção do continente americano fosse um dos últimos territórios explorados pelos colonizadores europeus. O primeiro a cruzar as Rochosas foi o explorador escocês Alexander Mackenzie, na porção canadense, em 1793. A parte estadunidense da montanha foi cruzada apena em 12 anos depois pela expedição Lewis e Clark.

Bibliografia:

Enciclopédia Britânnica - https://www.britannica.com/place/Rocky-Mountains

http://snobear.colorado.edu/Markw/Mountains/08/ColoradoMtns/rockymtns.asp.html

Parque Nacional das Montanhas Rochosas - https://www.national-park.com/welcome-to-rocky-mountain-national-park/#his

https://geomaps.wr.usgs.gov/parks/province/rockymtn.html

Arquivado em: Estados Unidos, Geologia