Biólogo

Por Paula Perin dos Santos
Biólogo é quem estuda e investiga todos os aspectos relacionados com a vida, analisando-lhes as causas, as leis, as origens, o desenvolvimento e funcionamento e o relacionamento entre os seres vivos. É a profissão ideal para quem ama a natureza, gosta de pesquisar e observar, é organizado, tem memória apurada e concentração para trabalhar em laboratórios, analisando dados coletados numa pesquisa, por exemplo.

biologoO biólogo:

- realiza estudos e investigações vinculados à vida orgânica, pesquisa no laboratório e em campo.

- estuda os microorganismos, seus efeitos sobre a saúde dos seres vivos e suas aplicações nas indústrias de produtos farmacêuticos.

- estuda os efeitos dos medicamentos em relação às funções fisiológicas humanas.

- trabalha na elaboração, aperfeiçoamento de medicamentos preventivos.

- dedica-se à produção dos soros e antígenos, realiza o controle de produção.

- faz levantamentos epidemiológicos.

- trabalha no diagnóstico laboratorial.

- ensina no ensino fundamental e médio (licenciado)e no Curso Superior (com pós-graduação).

O currículo envolve disciplinas básicas como Anatomia, Bioquímica, Patologia, Histologia, dentre outras como Farmacologia, Microbiologia, Citologia, Imunologia, Parasitologia. O ciclo básico do curso dura dois anos. Nos outros dois, o estudante opta ou pela licenciatura ou pelo bacharelado, que se estende por diferentes áreas como zoologia, botânica, biologia marinha, ecologia e genética, perfazendo um total de quatro anos de curso.

A carga horária deste profissional varia de acordo com a área de atuação. Os bacharéis, como atuam na pesquisa, chegam a trabalhar cerca de oito horas diárias. Os licenciados trabalham de acordo com a instituição onde ensinam. Recomenda-se o domínio de línguas estrangeiras como o inglês, por exemplo, e cursos de especialização na área de atuação.

O biólogo pode especializar-se em diversas áreas, como Genética, Ciências Morfológicas, Botânica, Zoologia, Ecologia, Microbiologia, Biologia Marinha, Biologia Econômica, Biologia Molecular. Além disso, ele pode atuar em vários campos, como na administração (de museus, herbários, jardins botânicos), indústrias, na assistência médica e hospitalar (fisiologia humana, virologia, análises clínicas), no Serviço Público, instituições de ensino, instituições de pesquisa científica, ecoturismo, paleontologia, bem como preparando relatórios de impacto ambiental.

O mercado para esta área encontra-se promissor, já que os bacharéis podem atuar em áreas como agronomia, engenharia genética e engenharia ambiental, embora o maior número de ofertas ainda se concentra nas instituições de ensino.

O salário varia bastante, de acordo com a área de atuação. O salário médio, tanto do bacharel como do licenciado está em torno dos R$1300. O ganho de quem tem doutorado e ensina em universidades públicas está na faixa dos R$4.000.

Fontes
Guia das Profissões - http://www.guiadasprofissoes.com.br

SOARES, Natalício. Guia de Profissões. Curitiba, Bolsa Nacional do Livro, p. 126.

DAHER, Valquíria. Guia Megazine de Profissões. Rio de Janeiro, Ediouro, O Globo, 2007, p. 26-7.