Crocodilo

Por Thais Pacievitch
Os crocodilos são répteis que pertencem à família Crocodylidae e à ordem Crocodylia. Estes animais levam uma vida bastante inativa, pois passam a maior parte do dia sem se mexer. Os crocodilos costumam tomar sol durante o dia e, à noite, como a água dos rios perde temperatura lentamente, eles entram na água para manter o calor o máximo de tempo possível.

Estes répteis são encontrados nas áreas tropicais da América, África, Ásia e Austrália. São exímios nadadores e existem espécies que adentram em águas marinhas, exemplo disso é o crocodilo do Nilo (Crocodulus nyloticus) que cruzou o mar para colonizar ilhas do oceano Índico como Madagascar. Outro exemplo é o crocodilo marinho (Crocodylus porosus) que colonizou ilhas da Austrália e a costa da Índia.

Os crocodilos jovens se alimentam de insetos, caranguejos e rãs. Já os animais adultos caçam peixes, se alimentam de animais mortos e passam horas esperando para engolirem mamíferos ou aves aquáticas. Estes répteis não são capazes de mastigar o que comem, sua tática de caça consiste em agarrar suas presas, com seus dentes afiados e poderosas mandíbulas, afogá-las e sacudi-las até que elas sejam desmontadas em pedaços que, em seguida, são engolidos. Ao engolir seu alimento, os crocodilos têm de abrir bastante a boca, isto os faz comprimir as glândulas lacrimais, que, assim, expelem lágrimas. Ou seja, os crocodilos quando se alimentam, “choram”, é daí que vem a expressão chorar lágrimas de crocodilo.

O crocodilo tem o corpo bem pesado, isto não o impede de locomover-se bem em terra firme, onde se move arrastando o abdômen sobre o chão e impulsiona-se com as patas. Quando o crocodilo tem de percorrer distâncias relativamente longas, é capaz de adotar um tipo de passo alto no qual só arrasta a cauda, dessa forma, este animal pode atingir velocidade de até 17 km/h.

As narinas e os olhos do crocodilo estão situados na parte superior da cabeça, assim, ele pode respirar e ver enquanto nada. Estes animais vivem até 80 anos e são ovíparos, ou seja, põe ovos nos ninhos que constroem. A temperatura corporal destes animais varia de acordo com a temperatura ambiental. O tórax e o abdômen estão separados por um diafragma muscular também usado para respirar. A digestão é assistida por um saco que contêm pedras, engolidas pelo animal a fim de ajudar a moer os alimentos. Sua pele é áspera dura e seca.