Economia do Rio de Janeiro

O estado do Rio de Janeiro possui um antigo e importante parque industrial, concentrado no vale do rio Paraíba do Sul (nas cidades de Rezende, Porto Real e Volta Redonda) e na região da Baixada Fluminense (Nova Iguaçu, Duque de Caxias e Queimados) Uma das indústrias mais conhecidas do estado é a Companhia Siderúrgica Nacional (CSN), que produz aço, em Volta Redonda. Em Porto Real existe uma fábrica de automóveis francesa (Peugeot) e, em Rezende há uma fábrica de caminhões Wolkswagen.

A indústria naval tem destaque nas cidades do Rio de Janeiro e Niterói. Na Baixada Fluminense podemos destacar as refinarias de petróleo e as indústrias petroquímicas na cidade de Duque de Caxias. Além destas grandes companhias, há uma série de empresas no setor de transporte, construção, fábricas de vidro, cimento, indústrias têxteis, estruturas metálicas, trefilações, laminações, indústrias farmacêuticas, Papel e celulose, etc.

Este estado tem grandes reservas de gás natural e petróleo na Bacia de Campos, jazidas situadas na costa, próximas à cidade de Campos. Esta jazida submarina é responsável por 83% da produção brasileira de petróleo e ajudo o Brasil a tornar-se auto-suficiente na produção de óleo cru. O estado do Rio de Janeiro também produz grandes quantidades de sal marinho, nas cidades de Cabo Frio e Araruama.

Uma das mais importantes atividades econômicas do Rio de Janeiro é o turismo. Na capital do estado existem praias belíssimas (Leme, Copacabana, Leblon, Ipanema, Barra da Tijuca, etc.) e lugares encantadores como o Pão de Açúcar, Pedra da Gávea, Corcovado, Jardim Botânico, etc. Há ainda outras lindas cidades litorâneas, dentre as quais podemos destacar Niterói (antiga capital do estado e unida à atual capital do estado pela ponte Rio-Niteroi); Parati e Angra dos Reis, situadas na região sul do estado com praias e ilhas muito bonitas que podem ser visitadas por barcos e Búzios, Arraial do Cabo e Cabo frio, situadas na região dos lagos. Outra opção de turismo são as cidades serranas, dentre elas podemos citar Petrópolis (Antigo refúgio de D. Pedro II), Teresópolis, Nova Friburgo, Itatiaia e Penedo

Dentre os estados brasileiros, o estado do Rio de Janeiro responde pela segunda maior economia, Seu PIB representa 10,91 do PIB nacional e a bolsa de valores daquele estado movimenta anualmente aproximadamente um bilhão de dólares.

Arquivado em: Economia, Rio de Janeiro