Doenças erradicadas mundialmente

Graduação em Biologia (CUFSA, 2010)
Especialização/MBA em Análises Clínicas (Uninove, 2012)

O cenário das doenças infecciosas mudou desde a implementação das vacinas e diversas campanhas são realizadas a fim de conscientizar as populações da importância de se vacinar. Mesmo com as vacinas, as doenças apresentavam diversos casos e apenas quando o investimento em pesquisas foi reforçado, aos poucos, elas formam controladas e consideradas erradicadas mundialmente.

Varíola

A varíola era uma infecção altamente contagiosa, causada por um vírus do tipo ortopoxvírus. Os números de mortos pela doença são gigantescos, chegando a mais de 300 milhões de óbitos e a doença aterrorizou a população mundial por vários séculos.

A varíola era usada como arma biológica no México e também foi utilizada com o mesmo proposito nas Américas.

A doença era transmitida pelo contato com pessoas doentes ou objetos que entraram em contato direto com a saliva ou secreções dos mesmos. Primeiramente, o vírus se instalava na garganta e nas fossas nasais e provocava febre alta, mal-estar, dor de cabeça, dor nas costas e abatimento. Após, surgiam as lesões na pele, de cor avermelhada, que se transformavam em pequenas bolhas cheias de pus, provocando dor e coceira intensa. Conforme as lesões iam regredindo e as crostas formadas iam se soltando da pele, a cicatriz surgia e deixava marcas permanentes na pele dos indivíduos.

Edward Jenner, conhecido como o pai da imunologia, teve um papel crucial no tratamento da varíola, e posteriormente em várias outras doenças infecciosas, a partir da criação da vacina.

No século 18, Jenner observou pessoas que ordenhavam vacas contaminadas por uma doença denominada cowpox, ou varíola bovina, muito semelhante a varíola, e após esse contato prévio, as mesmas se tornavam imunes a varíola.

Jenner então inoculou as secreções de uma vaca contaminada com cowpox em uma criança de apenas 8 anos. O garoto do experimento adquiriu a doença de forma branda e, após dez dias, se curou, confirmando as suspeitas do médico.

Após, Jenner inoculou o garoto novamente, mas dessa vez com as secreções de uma pessoa infectada com a varíola e o garoto não foi contaminado pela doença. A partir desse experimento de sucesso e de outros posteriormente, a vacina foi criada.

Em 1959, a Organização Mundial da Saúde (OMS) lançou uma campanha para erradicar a varíola.

Mesmo com a vacinação, o controle da doença em praticamente todo o mundo era quase impossível, então, foram necessárias estratégias para cada país em especifico. A OMS foi imprescindível para o sucesso das estratégias e com muitos esforços, a varíola foi a primeira doença a ser erradicada no mundo e seu último registro foi na Somália em 1977 e, mais precisamente, em 1980, a OMS declarou a doença erradicada mundialmente.

Existem outras doenças que foram consideradas erradicadas regionalmente, como o sarampo, a poliomielite e a rubéola, no Brasil.

Essas doenças acometiam os humanos e graças a várias campanhas e esforços, foram erradicadas, no entanto, existem doenças que infectam os animais, como o caso da peste bovina que matou milhares de animais em diferentes regiões do mundo e felizmente, também foi erradicada.

Peste bovina

A peste bovina era considera a mais letal de todas as infecções que afetavam os animais, especificadamente os bovinos e bubalinos.

Segundo a Organização Mundial de Saúde Animal (OIE), o último registro da doença foi em 2001 e atualmente a doença não circula mais, graças a vacinação.

As doenças erradicas pelo homem, até o momento, foram as citadas acima, no entanto, existem outras condições que não são mais vistas na população, mas não pela ação direta do homem e sim pela mutação do agente patológico, como é o caso da gripe espanhola, que matou milhares de pessoas entre 1917 e 1918, durante a primeira guerra mundial, e após não foram mais relatados casos. O vírus influenza A H1N1 sofreu mutações e foi o responsável pelos casos da época.

Fontes:

http://www6.ensp.fiocruz.br/visa/?q=node/4273

http://www.ccms.saude.gov.br/revolta/pdf/M8.pdf

http://www.faap.br/forum/pdfs/guias/guia-OMS.pdf

https://agencia.fiocruz.br/sites/agencia.fiocruz.br/files/revistaManguinhosMateriaPdf/RM8pag44a45FioDaHistoria.pdf

https://nacoesunidas.org/peste-bovina-e-erradicada-no-mundo/

https://bibliotecadigital.butantan.gov.br/arquivos/63/PDF/4.pdf

http://www.ccms.saude.gov.br/revolta/personas/jenner.html

AVISO LEGAL: As informações disponibilizadas nesta página devem apenas ser utilizadas para fins informacionais, não podendo, jamais, serem utilizadas em substituição a um diagnóstico médico por um profissional habilitado. Os autores deste site se eximem de qualquer responsabilidade legal advinda da má utilização das informações aqui publicadas.

Arquivado em: Doenças, Saúde