Derivação sufixal

Mestra em Letras e Linguística (UFG, 2016)
Licenciada em Letras-Português (UFG, 2009)

Publicado em 13/01/2022
Ouça este artigo:

Derivação Sufixal é um processo de formação de palavras em Língua Portuguesa que consiste na união de um sufixo ao radical de uma palavra primitiva. O sufixo é posicionado após o radical e este processo ocasiona alterações de sentido e de classe da palavra formada com relação à primitiva, como é possível observar no exemplo a seguir:

felizmente

A palavra felizmente é formada pela união do adjetivo feliz ao sufixo mente, de origem latina (mens), o qual sugere sentidos similares à “mente, espírito, intento”. A união entre o adjetivo feliz e o sufixo mente forma o advérbio de modo felizmente, o qual está relacionado ao modo de ser, de sentir, de estar.

Nosso léxico é composto por muitas palavras primitivas e aquelas formadas a partir de processos como os de Derivação e Composição. As palavras primitivas não são formadas a partir de outras, pelo contrário, elas dão origem a outras, as quais podem ser formadas a partir da união de morfemas, como os afixos prefixos e/ou sufixos, ou pela junção/aglutinação de palavras.

Leia alguns exemplos de ocorrência de formação de palavras pelo processo de Derivação Sufixal, também chamado de Sufixação:

  • sábia – sabiamente
  • possível – possivelmente
  • agradar – agradável
  • correr – corredeira, corrido
  • casa – casamento, casinha, casarão, casal, casado, casebre, caseiro
  • boi – boiada
  • fogo – fogaréu

A partir desses exemplos é possível verificar que as palavras formadas sugerem sentidos diferentes aos das palavras primitivas, mas mantêm-se em campos semânticos muito próximos.

Tipos de Sufixos

O processo de Sufixação viabiliza a formação de substantivos, adjetivos, verbos e advérbios. Por isso, os Sufixos são classificados em: nominais, verbais e adverbiais.

Sufixos nominais

Os sufixos nominais são afixos que unem-se ao radical formando substantivos ou adjetivos. Observe a tabela:

Sufixos Efeito Exemplos
-ão, -alhão, -aça, -aréu, -arra aumentativo casarão, azarão, bobalhão, cansadaça, bocarra
-inho, elho, -acho, -ebre, -eca diminutivo bolinho, pentelho, penacho, casebre, soneca

Sufixos nominais que formam substantivos a partir de substantivos

Sufixos Efeitos Exemplos
-ada coleção, porção, marca, ferimento, produto, longa duração, movimento brusco galinhada, pernada, ralada, marmelada, hibernada,
-ado Território subordinado, titularidade condado, mestrado
-agem coletividade, situação clonagem, aprendizagem, bobagem
-iero(a) ofício, local onde se guarda algo, árvore, exagero pedreiro, padeiro, barbeiro, celeiro, cerejeira, macieira, nevoeiro, berreiro
-ite inflamação bronquite, sinusite, artrite
-ume quantidade negrume, cardume

Sufixos nominais que formam substantivos a partir de adjetivos:

Sufixos Adjetivos Substantivo formado
-dade Tranquilo, divino Tranquilidade, divindade
-(i)dão, Exausto, imenso Exaustão, imensidão
-ez Sensato, grávida Sensatez, gravidez
-eza Leve, belo Leveza, beleza
-ia Sábio, ousado Sabedoria, ousadia
-ice Idiota, maluco Idiotice, maluquice
-ície Plano, calvo Planície, calvície
-or Fresco, amargo Frescor, amargor
-(i)tude Branco, negro Branquitude, negritude
-ura Branco, bravo Brancura, bravura

Sufixos nominais que formam adjetivos a partir de substantivos:

Sufixos Substantivos Adjetivos formados
-aco Demônio, Áustria Deminíaco, austríaco
-ado Barba, diploma Barbado, diplomado
-aico Judas judaico
-al, -ar Preferência, norma, pulmão, exemplo Preferencial, normal, pulmonar, exemplar
-ano Bahia, Sergipe Baiano, sergipano
-ão aldeia aldeão
-ário, -eiro Lenda, legenda, barro, névoa Lendário, legendário, barreiro, nevoeiro
-engo, -enho, -eno Monstro, ferro, Roma Monstrengo, ferrenho, romeno
-ense, ês Goiânia, Gênova Goianiense, genovês
-(l)ento Pulga, fedor Pulguento, fedorento
-eo Corpo, sangue Corpóreo, saguíneo
-esco, -isco Carnaval, mar Carnavalesco, marisco
-este, -estre, -eu, -ício, -ico, -il, -ino, -ita, -onho, -oso, -tico, -udo Céu, pé, júbilo, alimento, vinil, Natal, manha, asma, cabeça Celeste, pedestre, jubileu, alimentício, vinílico, natalino, manhoso, asmático, cabeçudo

Sufixos nominais que formam adjetivos a partir de verbos:

Sufixos Verbos Adjetivos formados
-ante, -ente, -inte Berrar, cortar, crer, pedir Berrante, cortante, crente, pedinte
-(á)vel, -(í)vel Amar, destruir Amável, destrutível
-io, -(t)ivo Escorregar, cansar Escorregadio, cansativo
-(d)iço, -(t)ício Quebrar, acomodar Quebradiço, acomodatício
-(d)ouro, -(t)ório, -(s)ório Durar, transitar, acessar Duradouro, transitório, acessório

Sufixos verbais

Os sufixos verbais são afixos que unem-se ao radical formando verbos.

Sufixos Efeito Exemplos
-ear durabilidade Espernear, manusear
-ejar durabilidade Desejar, velejar
-entar factual Frequentar, esquentar
-(i)ficar factual Personificar, corporificar
-icar durabilidade Paparicar, pinicar
-ilhar durabilidade Partilhar, fervilhar
-inhar Durabilidade, pejoração Espezinhar, aporrinhar
-iscar durabilidade Chuviscar, mordiscar
-itar Durabilidade, diminutivo Irritar, saltitar
-izar factual Minimizar, arborizar

Sufixo adverbial

Na Língua Portuguesa, há apenas um sufixo que deriva advérbios a partir de adjetivos, o sufixo -mente. Observe os exemplos na tabela a seguir:

Sufixo Adjetivos Advérvios formados
-mente Feliz, difícil, rápido, simpático Felizmente, dificilmente, rapidamente, simpaticamente

Amplie seus conhecimentos sobre a formação de palavras em Língua Portuguesa e aprenda mais sobre os processos de Composição por Aglutinação e Justaposição.

Leia também:

Referência:

ABAURRE, Maria Luiza M. Gramática: texto: análise e construção de sentido. Volume único. 2. ed. São Paulo: Moderna, 2010. p. 145-150.

Exercícios e questões de vestibulares

Questão 01:

Com relação ao processo de formação de palavras por Derivação sufixal, marque a alternativa correta:

Veja a resposta desta e mais outras questões!
Exercícios sobre Derivação sufixal - Português
Arquivado em: Português