Lipídios

Por Fabiana Santos Gonçalves
Lipídios são moléculas caracterizadas pela sua insolubilidade em água, mas é solúvel em outros solventes orgânicos, como o éter, álcool e clorofórmio.

A razão desta insolubilidade é porque os lipídios são apolares e a água é polar, portanto não possuem afinidade.

Classificação dos lipídios:

Glicerídios

São importantes fontes de energia e seu principal representante é o triglicerídio.

São moléculas de álcool glicerol ligadas a uma, duas o três moléculas de ácido graxo.

O glicerol possui uma molécula com 3 átomos de carbono unidos a uma hidroxila (C3H8O3).

Os ácidos graxos possuem um número par de átomos de carbono em sua molécula com um grupo carboxila em uma das extremidades.

Os óleos são encontrados principalmente nos vegetais, mas também podem ser encontrados em alguns animais, como é o caso do óleo de fígado de bacalhau. Já as gorduras são encontradas principalmente nos animais e se acumulam em células adiposas, atuando como reserva de energia e protegendo contra a perda de calor.

Ceras

As ceras são compostas por uma molécula de álcool unida a uma ou mais moléculas de ácidos graxos, porém esse álcool não é o glicerol.

As ceras são altamente insolúveis em água, e essa característica é muito importante. As ceras impermeabilizam a superfície de folhas, flores e furtos, impedindo que a planta perca água por transpiração.

As abelhas utilizam a ceras para fabricação de suas colméias.

Esteróides

Os esteróides são um grupo especial de lipídios. As moléculas são formadas por 4 anéis carbônicos, ligados a outras cadeias carbônicas, grupos hidroxila e átomos de oxigênio.

São exemplos de esteróides o colesterol e os hormônios sexuais femininos e masculinos: estrógeno, progesterona e testosterona.

Outro grupo muito importante de esteróides é o colesterol. Ele pode ser tanto benéfico como maléfico para o organismo.

O colesterol participa da composição química das membranas celulares de células animais. As células vegetais e bacterianas não possuem colesterol em sua composição.

O excesso de colesterol pode ser nocivo à saúde, pois em grandes quantidades na corrente sanguínea pode provocar entupimento de veias e artérias, causando uma doença chamada arteriosclerose.


Ilustração: http://www.portalbiologia.com.br

Fontes
Amabis, José Mariano. Biologia. Volume 1. Editora Moderna.

AVISO LEGAL: As informações disponibilizadas nesta página devem apenas ser utilizadas para fins informacionais, não podendo, jamais, serem utilizadas em substituição a um diagnóstico médico por um profissional habilitado. Os autores deste site se eximem de qualquer responsabilidade legal advinda da má utilização das informações aqui publicadas.