Morfologia

Por Lucas Negri
A Morfologia é o estudo da palavra e sua função na nossa língua. Na língua portuguesa, as palavras dividem-se nas seguintes categoras:

1. Substantivo

Tudo o que existe é ser e cada ser tem um nome. A palavra que indica o nome dos seres pertence a uma classe chamada substantivo. O subtantivo é a palavra que dá nome ao ser.
Além de objeto, pessoa e fenômeno, o substantivo dá nome a outros seres, como: lugares, sentimentos, qualidades, ações e etc.

1.1 Classificação do substantivo

  • Comum - é aquele que indica um nome comum a todos os seres da mesma espécie.
  • Coletivos - entre os substantivos comuns encontra-se os coletivos, que, embora no singular, indicam uma multiplicidade de seres da mesma espécie
  • Próprio - é aquele que particulariza um ser da espécie.
  • Concreto - é aquele que indica seres reais ou imaginários, de existência independente de outros seres.
  • Abstrato - é aquele que indica seres dependentes de outros seres.

2. Artigo

Na frase, há muitas palavras que se relacionam ao substantivo.Uma delas é o artigo.
Artigo é a palavra que se antepõe ao substantivo para determiná-lo.

2.1 Classificação do Artigo

O artigo se classifica de acordo com a idéia que atribui ao ser em relação a outros da mesma espécie.
Definido - é aquele usado para determinar o substantivo de forma definida: o, as, os, as.
Indefinido - é aquele usado para determinar o substantivo de forma indefinida: um, uma, uns, umas.

3. Adjetivo

Outra palavra que, na frase, se relaciona ao substantivo, é o adjetivo.
Adjetivo é a palavra que caracteriza o substantivo.

3.1 Formação do Adjetivo

Como o substantivo, o adjetivo pode ser:

  • Primitivo - é aquele que não deriva de outra palavra.
  • Derivado - é aquele que deriva de outra palavra(geralmente de substantivos ou verbos).
  • Simples - é aquele formado de apenas um radical.
  • Composto - é aquele formado com mais de um radical.

3.2 Locução Adjetiva

Para caracterizar o substantivo, em lugar de um adjetivo pode aparecer uma locução adjetiva, ou seja, uma expressão formada com mais de uma palavra e com valor de adjetivo.

4. Numeral

Entre as palavras que se relacionam, na frase, ao substantivo há também o numeral.
Numeral é a palavra que se refere ao substantivo dando a idéia de número.

O numeral pode indicar:

  • Quantidade - Choveu durante quatro semanas.
  • Ordem - O terceiro aluno da fileira era o mais alto.
  • Multiplicação - O operário pediu o dobro do salário.
  • Fração - Comeu meia maça.

4.1 Classificação do Numeral

  • Cardinal - Indica uma quantidade determinada de seres.
  • Ordinal - Indica a ordem (posição) que o ser ocupa numa série.
  • Multiplicativo - Expressa a idéia de multiplicação, indicando quantas vezes a quantidade foi aumentada.
  • Fracionário - Expressa a idéia de divisão, indicando em quantas partes a quantidade foi dividida.

5. Pronome

Além do artigo, adjetivo e numeral há ainda outra palavra que, na frase, se relaciona ao substantivo: é o pronome.
Pronome é a palavra que substitui ou acompanha um substantivo, relacionando-o à pessoa do discurso.
As pessoas do discurso são três:

  1. Primeira pessoa - a pessoa que fala.
  2. Segunda pessoa - a pessoa com quem se fala.
  3. Terceira pessoa - a pessoa de quem se fala.

5.1 Classificação do Pronome

Há seis tipos de pronomes: pessoais, possessivos, demonstrativos, indefinidos, interrogativos e relativos.

  1. Pronomes pessoais: Os pronomes pessoais substituem os substantivos, indicando as pessoas do discurso. São eles: retos, oblíquos e de tratamento.
  2. Pronomes Possessivos: São palavras que, ao indicarem a pessoa gramatical(possuidor), acrescentam a ela a idéia de posse de algo(coisa possuída).
  3. Pronomes Demonstrativos: São palavras que indicam, no espaço ou no tempo, a posição de um ser em relação às pessoas do discurso.
  4. Pronomes Indefinidos: Pronomes Indefinidos são palavras que se referem à Terceira pessoa do discurso, dando-lhe sentido vago ou expressando quantidade indeterminada.
  5. Pronomes Interrogativos: Pronomes Interrogativos são aqueles usados na formulação de perguntas diretas ou indiretas. Assim como os indefinidos, referem-se a Terceira Pessoa do Discurso.
  6. Pronomes Relativos: São pronomes relativos aqueles que representam nomes já mencionados anteriormente e com os quais se relacionam.

6. Verbo

Quando se pratica uma ação, a palavra que representa essa ação, indicando o momento que ela ocorre, é o verbo. Uma ação ocorrida num determinado tempo também pode constituir-se num fenômeno da natureza expresso por um verbo.
Verbo é a palavra que expressa ação, estado e fenômeno da natureza situados no tempo.

6.1 Conjugações do Verbo

Na língua portuguesa, três vogais antecedem o “r” na formação do infinitivo: a-e-i. Essas vogais caracterizam a conjugação do verbo. Os verbos estão agrupados, então, em três conjugações: a primeira conjugação(terminados em ar), a segunda conjugação(terminados em er) e a terceira conjugação(terminados em ir).

6.2 Flexão do Verbo

O verbo é constituído, basicamente, de duas partes: radical e terminações.
As terminações do verbo variam para indicar a pessoa, o número, o tempo, o modo.

6.3 Tempo e Modo do Verbo

O fato expresso pelo verbo aparece sempre situado nos tempos:

  • Presente - Ele anuncia o fim da chuva.
  • Passado - Ele anunciou o fim da chuva.
  • Futuro - Ele anunciará o fim da chuva.

Além de o fato estar situado no tempo, ele também pode indicar:

  • Fato certo - Ele partirá amanhã.
  • Fato duvidoso - Se ele partisse amanhã...
  • Ordem - Não partas amanhã.

As indicações de certeza, dúvida e ordem são determinadas pelos modos verbais. São portanto três modos verbais: Indicativo(fato certo), Subjuntivo(fato duvidoso), Imperativo(ordem).

6.4 Vozes do Verbo

Voz é a maneira como se apresenta a ação expressa pelo verbo em relação ao sujeito. São três as vozes verbais:

  • Ativa - o sujeito é o agente da ação, ou seja, é ele quem pratica a ação.
  • Passiva - o sujeito é paciente, isto é, sofre a ação expressa pelo verbo.
  • Reflexiva - o sujeito é ao mesmo tempo agente e paciente da ação verbal, isto é, pratica e sofre a ação expressa pelo verbo

6.5 Locução Verbal

7. Advérbio

Há palavras que são usadas para indicar as circunstâncias em que ocorre a ação verbal: são os advérbios.
Advérbio é a palavra que indica as circunstâncias em que ocorre a ação verbal.

7.1 Classificação do advérbio

De acordo com as circunstâncias que exprime, o advérbio pode ser de:

  • Tempo (ontem, hoje, logo, antes, depois)
  • Lugar (aqui, ali, acolá, atrás, além)
  • Modo (bem, mal, depressa, assim, devagar)
  • Afirmação (sim, deveras, certamente, realmente)
  • Negação (não, absolutamente, tampouco)
  • Dúvida (talvez, quiçá, porventura, provavelmente)
  • Intensidade (muito, pouco, mais, bastante)

7.2 Locução Adverbial

É um conjunto de duas ou mais palavras com valor de advérbio.

7.3 Advérbios Interrogativos

São advérbios interrogativos: quando(de tempo), como(de modo), onde(de lugar), por que(causa). Podem aparecer tanto nas interrogativas diretas quanto nas indiretas.

8. Preposição

Há palavras que, na frase, são usadas como elementos de ligação: uma delas é a preposição.
Preposição é a palavra invariável que liga dois termos.
Nessa ligação entre os dois termos, cria-se uma relação de subordinação em que o segundo termo se subordina ao primeiro.

8.1 Locução Prepositiva

É o conjunto de duas ou mais palavras com valor de uma preposição.

9. Conjunção

Além da preposição, há outra palavra que, na frase, é usada como elemento de ligação: a conjunção. Conjunção é a palavra que liga duas orações ou dois termos semelhantes de uma mesma oração.

9.1 Classificação das conjunções

As conjunções podem ser coordenativas e subordinativas.

10. Interjeição

Há palavras que expressam surpresa, alegria, aplauso, emoções. Essas palavras são as interjeições. Interjeição é a palavra que procura expressar, de modo vivo, um sentimento.

10.1 Classificação de interjeição

As interjeições classificam-se segundo as emoções ou sentimentos que exprimem:

  • Aclamação: Viva!
  • Advertência: Atenção!
  • Agradecimento: Grato!
  • Afugentamento: Arreda!
  • Alegria: Ah!
  • Animação: Coragem!
  • Pena: Oh!

10.2 Locução Interjetiva

São duas ou mais palavras com valor de interjeição.