Uganda

Graduado em Geografia (Centro Universitário Fundação Santo André, 2014)

Ouça este artigo:

A Uganda está localizada no continente africano, mais precisamente na região centro-oriental da África, possui uma extensão territorial de aproximadamente 241.038 Km2, faz fronteira com 5 países, sendo eles o Quênia, República Democrática do Congo, Ruanda, Sudão do Sul e Tanzânia.

Sua Capital é Kampala, possui como idioma oficial o inglês, além de diversas línguas regionais; tem como moeda oficial o Xelim Ugandense que apresenta baixo valor de mercado internacional em relação ao Dólar Americano.

Bandeira de Uganda.

Segundo o World Population Prospects (WPP) no ano de 2019 sua população era estimada em 44.269.587 habitantes, possuindo neste mesmo ano uma densidade demográfica aferida de 221,56 habitantes por km², considerada elevada em relação a outros países do continente. Isso se dá pela baixa extensão territorial que possui.

Observe alguns dados e índices demográficos referente ao país nos anos de 2018 e 2019:

Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) 0,528
PIB per capita 704 U$
Esperança de Vida ao Nascer 63 anos
Acesso à água potável 49,1% da população
População alfabetizada acima dos 15 anos 76,5% da população aproximadamente
População que vive na área rural 75,6 % dos habitantes
População que vive na área urbana 24,4% dos habitantes
Indivíduos com acesso a internet 23,7% da população
Taxa de Mortalidade 6,76 ‰ de habitantes
Taxa de Natalidade 38,94 ‰ de habitantes
Crescimento Populacional 3,23% da população

Geografia

Seu território não possui grande dimensão por isso sua diversidade paisagística não é tão elevada. A maior parte de seu relevo se encontra em um planalto, por sua proximidade com o Rift Valley, que é uma área de falha na placa tectônica africana. Possui regiões montanhosas em suas extremidades.

Mapa e localização de Uganda na África.

Sobre seu território passa o Rio Nilo e possui contato com o Lago Vitória, o segundo maior lago de água doce do mundo.

Está em uma região de clima tropical, caracterizado por uma temperatura elevada todo o ano mantendo uma estação seca e outra chuvosa, o que também proporciona a existência de uma floresta tropical na região, além de áreas de gramíneas espalhadas em alguns campos.

História de Uganda

O nome de Uganda deriva de Buganda, um grande reino africano que existia naquela região que tinha um protetorado britânico. A Grã Bretanha chegou naquela região por volta de 1890, criando um sistema de coalizão entre o rei de Buganda e a Rainha Elizabeth II durante o século XX, porém nesse território haviam outros reinos e outros povos que foram colonizados por Kabaka (rei de Buganda), levando a conflitos étnicos internos até o século XXI.

Uganda conseguiu sua independência no ano de 1962, porém em seu território existem diferentes povos e reinos, o que causou alguns conflitos, pois os líderes desses povos tinham a pretensão de manter um governo de federação, onde todos pudessem manter seu papel político e administrativo. Porém em 1967 o país sofre um golpe e o reconhecimento dos reinos é abolido pelo governo.

Em 1971 o governo sofre um golpe militar e Idi Amin toma o poder de forma ditatorial no país. Essa ditadura foi relativamente curta — durando 8 anos — porém sanguinária resultando na morte de mais de 300 mil ugandenses.

Em 1980 houve uma nova eleição após a retirada de Amin do poder, porém outro golpe militar ocorre em 1985. Em 1986 um dos líderes dos grupos rebeldes assume o governo, Yoweri Museveni que permanece no governo até o momento atual, após vencer seis eleições consecutivas.

No ano de 1993 Museveni reconheceu os reinos como “instituições culturais”, porém a luta de diversos povos pelo seu reconhecimento e a volta da criação de uma unidade de federação com poderes políticos e administrativos continua, levando o país a diversos conflitos internos.

Bibliografia:

https://paises.ibge.gov.br/#/dados/uganda

https://escola.britannica.com.br/artigo/Uganda/482738

http://www.fides.org/pt/news/15777-AFRICA_UGANDA_Os_reinos_tradicionais_de_Uganda

Arquivado em: África