Zâmbia

República de Zâmbia (em inglês: Republic of Zambia) é um país localizado à África Meridional, com um território de 752.618 km², dimensões um pouco maiores que as dos estados de Ceará, Maranhão e Piauí combinados. A população do país é de cerca de 13,5 milhões e tem como capital e principal cidade Lusaka. Zâmbia divide suas fronteiras com a República Democrática do Congo ao norte, Tanzânia a nordeste, Malawi a leste e Moçambique, ZimbábueBotswana e Namíbia ao sul e Angola a oeste. A língua oficial é o inglês, apesar da população zambiana utilizar diversas línguas regionais na comunicação diária, sendo as principais do país a língua bemba e tonga. A maioria dos habitantes do país, 85%, seguem o cristianismo, o restante sendo seguidores de religiões africanas tradicionais e do islamismo.

Há cerca de 2000 anos atrás, os habitantes originais da Zâmbia são povos khoisan (coissã ou bosquímanos, que atualmente habitam o sudoeste da África, a sul de Angola, Namíbia e África do Sul). Estes povos são deslocados por grandes ondas de imigrantes bantu, começando no século XV, com maior influxo entre o final do século XVII e início do XIX. Eles vieram principalmente das tribos Luba e Lunda do sul da República Democrática do Congo e norte de Angola, juntando-se no século XIX aos povos ngoni, no sul.

Com exceção de ocasionais explorações portuguesas, a área jazia intocada pelos europeus durante séculos. Em meados do século XIX, a região é penetrada por exploradores ocidentais, missionários e comerciantes.

Em 1888, Cecil Rhodes, liderando interesses comerciais britânicos e políticos na África obteve uma concessão mineral dos chefes locais. No mesmo ano, as Rodésias do Norte e do Sul (atuais Zâmbia e Zimbabue, respectivamente) são proclamadas esfera de influência britânica. Em 1924, a administração da Rodésia do Norte é transferida para o escritório colonial britânico, como um protetorado.

Em 1953, as duas Rodésias se juntam à Niassalândia (atual Malawi) para formar a Federação da Rodésia e Niassalândia. A 31 de dezembro de 1963, a federação foi dissolvida, e Rodésia do Norte tornou-se a República da Zâmbia a 24 de outubro de 1964, tendo Kenneth Kaunda como presidente até 1991. As principais empresas do país são nacionalizadas, e uma reforma agrária é realizada sem sucesso agrícola. Em 1972, a Zâmbia torna-se um estado de partido único até a década de 90, quando reformas políticas são introduzidas no país buscando estabelecer uma democracia multipartidária. Hoje em dia, o país ainda luta para manter sua estabilidade política, tendo seu quarto presidente assumido o poder em setembro de 2011.

Bibliografia:
Zambia profile (em inglês) Disponível em: <http://www.bbc.co.uk/news/world-africa-14113084>. Acesso em: 24 out. 2012.
Zambia (em inglês) Disponível em: < http://www.state.gov/outofdate/bgn/zambia/196490.htm >. Acesso em: 24 out. 2012.
Mapa: http://www.geographicguide.net/africa/zambia.htm

Arquivado em: África