Carl Sagan

Ensino Superior em Comunicação (Universidade Metodista de São Paulo, 2010)

Carl Edward Sagan foi um notável cientista, professor, astrônomo e biólogo. Autor de mais de 600 publicações e de mais de 20 livros de ciência e ficção científica, é considerado o cientista americano mais influente do século XX. Sua contribuição foi imprescindível para o desenvolvimento de programas espaciais da NASANational Aeronautics and Space Administration (Administração Nacional do Espaço e da Aeronáutica).

Carl Sagan, em 1980. Foto: NASA / via Wikimedia Commons

Carl Sagan nasceu na cidade de Nova York no dia 9 de novembro de 1934, descendente de uma família de judeus ucranianos. Seu pai era operário e sua mãe dona de casa. Desde a infância demonstrava curiosidade pela natureza e interesse em leitura. Com apenas cinco anos de idade visitou pela primeira vez uma biblioteca pública em busca de livros sobre as estrelas. Concluiu seus estudos secundários em Nova Jersey e depois frequentou a Universidade de Chicago, graduando-se em Artes e em Ciências no ano de 1955. Fez mestrado em Física no ano seguinte e concluiu o doutorado em Astronomia e Astrofísica em 1960.

Na sequência trabalhou em laboratórios e no Observatório Astrofísico Smithsonian em Cambridge, Massachusetts. Paralelamente lecionou e pesquisou na Universidade de Harvard até 1968, quando passou a administrar o laboratório de pesquisas planetárias da Universidade Cornell em Ithaca, Nova York. Foi lá que Sagan aprofundou-se nos conceitos da exobiologia, pesquisando a existência de vida extraterrestre e formulando diversas experiências com aparelhos que captavam sinais do Cosmos. Em 1971 foi nomeado professor titular e diretor do laboratório de estudos planetários. De 1972 a 1981 foi diretor associado ao Centro de Radiofísica e Investigação Espacial de Cornell.

Vinculado desde a década de 1950 ao programa espacial da NASA, Carl Sagan contribuiu com seus conhecimentos durante a realização de muitos feitos históricos. Assessorou os astronautas que participaram da missão Apollo 11 antes de irem à Lua em 1969, liderou expedições que enviavam naves para investigar o Sistema Solar, criou a primeira mensagem física enviada ao espaço em uma placa anodizada acoplada a sonda espacial Pionner em 1972, estimulou a busca de vestígios da existência de vida em outros planetas e esteve presente em diversos cargos de destaque nos órgãos encarregados das pesquisas sobre o Cosmos.

Placa do disco "Sons da Terra", enviada ao espaço pela sonda Voyager 2.

Mostrou que Titã, uma das luas de Saturno, possuía oceanos de compostos líquidos. Apontou que em uma das luas de Júpiter, chamada Europa, poderiam existir oceanos subterrâneos de água, possibilitando a existência de vida.

Era considerado um intelectual brilhante e sua capacidade de transmitir ideias científicas complexas aos leigos era notável. Dentro de sua abrangente obra, algumas conquistaram o grande público: o livro “Cosmos” foi adaptado para a TV na forma de série vencedora do Emmy em 1981, “Os Dragões do Éden” conquistou o Prêmio Pulitzer de Literatura em 1978 e o romance de ficção científica “Contato” virou filme em 1997 fazendo muito sucesso.

Aos 60 anos Sagan foi diagnosticado com mielodisplasia, um câncer raro na medula óssea. Recebeu três transplantes de sua irmã e fez tratamento durante dois anos. Faleceu no dia 20 de dezembro de 1996 de pneumonia derivada da doença, no Centro de Pesquisas do Câncer Fred Hutchinson em Seattle, Estados Unidos.

Seu último livro, “Bilhões e Bilhões” foi lançado no ano seguinte por Ann Druyan, sua esposa e assessora. Até seu falecimento, Carl Sagan continuava ministrando o curso de Pensamento Crítico na Universidade Cornell.

Desde 2009 diversas organizações em prol do humanismo promovem a comemoração do “Carl Sagans’s Day”, celebrado em 9 de novembro de todo ano em vários países. Como forma de inspiração, o intuito é organizar eventos de astronomia, feiras de ciências, visitas ao planetário, palestras e promover demais temáticas ligadas ao universo científico.

Fontes:

https://pt.wikipedia.org/wiki/Carl_Sagan

https://www.natgeo.pt/historia/quem-foi-carl-sagan

https://super.abril.com.br/ciencia/carl-sagan-foi-para-o-ceu/

Arquivado em: Astrônomos, Biografias