Hidrólise

Licenciatura Plena em Química (Universidade de Cruz Alta, 2004)
Mestrado em Química Inorgânica (Universidade Federal de Santa Maria, 2007)

A denominação de hidrólise é dada para qualquer reação química que envolva a quebra de uma molécula por ação da molécula de água. Hidro (água) e lise (quebra). “Em 1908, N. Bjerrum, em sua tese de doutorado, trabalhando com sais de cromo (III), empregou pela primeira vez o conceito de hidrólise de um cátion1.

Ocorre uma alteração de íons, sendo liberados para a solução cátions de hidrogênio (H+) ou ânions de hidroxila (OH). Dessa forma, determinada molécula fragmenta-se e tem suas ligações complementadas com os íons resultantes da molécula de água, tendo em vista a formação de uma molécula diferente da original (reação química).

Para que ocorra uma hidrólise completa é necessária a utilização de altas pressões e altas temperaturas. Na maioria dos casos, apenas se tem uma hidrólise rápida quando se utiliza substâncias aceleradoras do processo, ou seja, agentes catalisadores de hidrólise. Dentre tais substâncias, aquelas de maior aplicabilidade são alguns ácidos e determinadas proteínas (enzimas).

Alguns exemplos de hidrólise:

  • Síntese da para-nitroanilina, a partir da nitroacetanilina, quando se tem uma nitração da acetanilina.
  • Processo de caulinização do feldspato de potássio, com dissociação de íons potássio em solução (K+), assim como moléculas de dióxido de silício (SiO2).

A hidrólise salina é uma importante aplicação para os processos da hidrólise, uma vez que os sais tem uma forte tendência em sofrerem dissociação em meio aquoso.

A partir de uma solução salina, torna-se possível se obter tanto soluções ácidas como soluções básicas, devido ao caráter anfótero da água (a água pode se comportar como um ácido ou como uma base, dependendo das circunstâncias e das moléculas que com ela interagem). Dessa forma, os sais presentes em solução, ao sofrerem uma dissociação, liberam para o meio aquoso cátions e ânions, e, dependendo da concentração desses íons, a solução resultante pode assumir diferentes valores de pH.

Com relação à formação de uma solução de caráter ácido, temos:

H+ + H2O ↔ HOH + H+

Com relação à formação de uma solução de caráter básico, temos:

OH- + H2O ↔ HOH + OH-

Entretanto, o pH de uma solução a partir da dissociação de um sal (hidrólise) não será próximo de zero nem próximo de quatorze, uma vez que tanto o sal como a base formados serão moderadas ou fracas, tendo em vista que os ácidos e as bases fortes possuem seus íons formadores totalmente livres em solução, ou seja, altamente ionizados no caso dos ácidos e altamente dissociados no caso das bases.

Referências:
1. http://qnint.sbq.org.br
PERUZZO, Francisco Miragaia (Tito); CANTO, Eduardo Leite; Química na Abordagem do Cotidiano, Ed. Moderna, vol.1, São Paulo/SP- 1998.

Arquivado em: Reações Químicas