Clima desértico

Graduanda em Geografia (IFSP)
Graduada em Biologia (UNICSUL, 2018)

Publicado em 25/01/2022
Ouça este artigo:

O clima desértico é caracterizado por regiões onde os índices pluviométricos são extremamente baixos, ou seja, são formados em regiões muito áridas. Devido às condições climáticas extremas esse clima não permite o desenvolvimento uma grande diversidade de vegetação. Na maioria das vezes as plantas encontradas nesse tipo de clima são baixas ou rasteiras, salvo exceções de algumas espécies de cactos.

Uma vegetação mais complexa pode se desenvolver nos oásis, locais que pela geografia o acúmulo de água permite o desenvolvimento da biota. A fauna é composta por animais adaptados que podem se esconder do sol escaldante e do calor da areia, ou sobreviver as grandes mudanças diárias de temperatura, sendo na maioria das vezes, animais noturnos.

O que permite a existência do Clima Desértico é o Clima Árido, classificado como Bwh: B, clima geral da região é árido; w, o regime de chuva se dá no verão; h, e a temperatura característica dessas regiões é quente. Assim sua característica principal é a extrema falta de umidade, gerando uma elevada amplitude térmica diária e sazonal. Os índices pluviométricos são inferiores a 250 mm/ano.

Oasis em deserto no Peru. Foto: Martchan / Shutterstock.com

Essa chuva pode ser armazenada nos oásis, os sulcos no solo permitem que a água se infiltre e não evapore rapidamente, gerando assim acúmulo de água em pequenas áreas específicas.

A falta de umidade faz com que a amplitude térmica ao longo do dia seja alta. Por falta de umidade no ar, a atmosfera não permite que o calor seja armazenado e a areia dessas regiões refletem parte da luz, fazendo com que o dia chegue a temperaturas de 50°C e a do fim da tarde essa temperatura caia vertiginosamente, podendo em alguns locais ficar negativa. A temperatura nos Climas Desérticos Quentes varia de 20 a 25°C, sendo a temperatura máxima extrema de 50°C, enquanto nos Climas Desérticos Frios, a temperatura no inverno pode variar de -2 a 4°C e no verão de 21 a 26°C.

Clima desértico. Foto: Galyna Andrushko / Shutterstock.com

O Clima Desértico pode ser encontrado nas latitudes de 20 a 30° N e S, a exemplo Norte o maior deserto quente, o Saara, no norte do continente africano, e a Sul, o deserto da Austrália. O Clima Desértico pode ser encontrado também no oeste dos EUA e no oriente médio. Os desertos da China e do Chile tem uma característica muito especial, cadeias montanhosas permitem sua formação. Na China, o Himalaia funciona como uma parede natural que impede que os ventos úmidos cheguem na região norte do país, formando o deserto de Gobi. No Chile, a cordilheira dos Andes tem a mesma função, barrando os ventos úmidos do pacífico e rebatendo os ventos do atlântico para o sudeste do Brasil, criando o deserto do Atacama. O Saara apresenta pouca variação nas estações, enquanto o deserto de Gobi apresenta características diferentes no verão e no inverno, assim podemos notar pequenas variações nos Climas Desérticos ao longo das diferentes regiões.

Os desertos são regiões que possuem poucas condições para sobrevivência, os solos são formados através do processo de erosão eólica, tendo a presença de minerais e pouca matéria orgânica, diminuindo muito a fertilidade. Assim são compostos principalmente por areia, que formam lençóis e bancos de areia. Ainda é possível ver as rochas matrizes nessas áreas e algumas planícies são cobertas de sal por conta do ressecamento de lagos como é o caso do Atacama. Assim como no semiárido brasileiro, a vegetação é formada por xerófitas, uma espécie adaptada com longas raízes, folhas e caules grossos para armazenarem a pouca água dos desertos e diminuir o processo de evapotranspiração.

Arquivado em: Clima