Fontes de energia utilizadas no Brasil

Especialista em Geografia do Brasil (Faculdades Integradas de Jacarepaguá, RJ)
Mestre em Educação (Estácio de Sá, 2016)
Graduado em Geografia (Simonsen, 2010)

Ouça este artigo:

O Brasil, em parte por conta da sua grande extensão territorial, conta com diversos climas, áreas litorâneas e áreas continentais (interioranas) com grande diversidade de recursos naturais. Esta grande diversidade de condições materiais permite o uso de uma gama de diferentes fontes de energia.

Entre as fontes de energia utilizadas no Brasil estão a energia hidrelétrica, a termoelétrica, a queima de combustíveis fósseis derivados do petróleo em automóveis, o gás natural, o etanol, a biomassa, a energia eólica, a energia solar (especialmente a fotovoltaica) e a energia nuclear.

O uso de combustíveis fósseis derivados do petróleo no Brasil se expandiu com o chamado rodoviarismo, quando o governo começou a investir em rodovias e abandonar as ferrovias como forma de transporte de pessoas e de carga. O rodoviarismo foi adotado para atrair o investimento estrangeiro e fortalecer a nascente indústria automobilística nacional, alcançando o ápice no governo de Juscelino Kubitschek.

Linhas de transmissão de energia. Foto: Pand P Studio / Shutterstock.com

Apesar do crescente uso do etanol e do gás natural (e mais recentemente o início do comércio de carros elétricos), com uma série de incentivos governamentais especialmente para o último, o Brasil ainda utiliza abundantemente os derivados do petróleo (gasolina e diesel) em seus automóveis.

Falando em transportes elétricos, alguns transportes de massas e de carga já usam faz tempo a energia elétrica, tais como: monotrilhos, bondes, teleféricos, veículos leves sobre trilhos (VLT), trólebus (ônibus elétricos), trens de carga, trens urbanos e trens metropolitanos (metrô).

Além do citado uso em vários meios de transporte, a energia elétrica é muito utilizada nas residências, vias públicas, indústrias, comércios dentre outros diversos locais para os mais variados fins (iluminação ou alimentar diversos tipos de maquinário). É talvez a energia mais presente na vida dos brasileiros.

Porém, a fonte da energia elétrica pode ser as usinas hidroelétricas, eólicas, termoelétricas, solar fotovoltaica e a nuclear.

A energia hidrelétrica costuma ser a mais utilizada no Brasil, graças a sua hidrografia privilegiada com uma quantidade considerável de rios com abundante volume de água. Porém, a principal usina hidroelétrica no Brasil é a binacional de Itaipu dividida entre o Brasil e o Paraguai.

A energia eólica no Brasil está concentrada na região nordeste, sendo o Estado do Ceará famoso por seus campos eólicos. Apesar de ser uma energia barata e não-poluente, sofre algumas críticas pelo impacto ambiental causado sobre animais (especialmente aves) cuja rota migratória atravesse os campos de energia eólica.

A energia solar fotovoltaica vem ganhando adeptos e sendo a favorita dos ambientalistas, porém, encontra fortes limitações para a sua maior popularização, entre elas o alto custo de instalação e as limitações na produção com esta fonte de energia (por exemplo, não produzir energia à noite).

Leia também:

Arquivado em: Brasil, Economia