Capitais do Brasil

O Brasil possui ao todo 27 capitais, distribuídas em 26 estados e o Distrito Federal.

Brasília (DF) - é a capital do Distrito Federal e também, capital federal do país com sede do Governo Federal. Sua área territorial é de 5.802 km², com população de 3.015.268 habitantes. Tornou-se capital em 1.960. Brasília foi o nome sugerido por José Bonifácio já em 1.823. Os principais pontos turísticos são museus, teatros, o congresso nacional e a catedral metropolitana.

Mapa com as capitais dos estados brasileiros.

Capitais dos estados do Norte

Rio Branco (AC) – é a capital do estado do Acre, localizada na região Norte do país. Sua área territorial é de 8.835 km² e a população é de 407.319 habitantes. Tornou-se capital em 1912, levando o nome em homenagem a José Maria da Silva Paranhos Júnior – diplomata conhecido como Barão do Rio Branco. Chamada de “Capital da Natureza” por destacar-se em seus atrativos naturais.

Palmas (TO) – é a capital do estado de Tocantins, localizada na região Norte. Sua área territorial é de 2.219 km², com população de 299.127 habitantes. Tornou-se capital em 1990. O nome Palmas foi escolhido em homenagem à Comarca de São João de Palma. As principais atrações da cidade são a Praça dos Girassóis, Parque Cesamar, praia do Prata e Palácio Araguaia.

Boa Vista (RR) – é a capital de Roraima, localizada na região Norte do país. Sua área territorial é de 5.687 km², com população de 399.213 habitantes. Tornou-se capital em 1944 e carrega esse nome que derivou “Fazenda Boa Vista do Rio Branco”. Os atrativos da capital destacam-se o Parque Nacional do Monte Roraima, Orla Taumanan, Praça das Águas, entre outros.

Porto Velho (RO) – é a capital de Rondônia, localizada na região Norte. Sua área territorial é de 34.091 km², com população de 529.544 habitantes. Tornou-se capital em 1943. O nome Porto Velho pode ter surgido de um velho morador chamado “Velho Pimentel”, onde todos o mencionavam como “Porto do Velho”; outra versão é o “Ponto Velho”, conhecido como ponto de caça de antas. Entre os destaques do local estão as três Caixas D’Água, o Mercado Cultural de Porto Velho e o Parque Natural de Porto Velho.

Belém (PA) – é a capital mais chuvosa do Brasil que fica no estado do Pará, localizada na região Norte. Sua área territorial é de 1.059 km², com população de 1.492.745 habitantes. Tornou-se capital em 1722. O nome da capital originou de “Santa Maria de Belém do Pará” ou “Nossa Senhora de Belém do Grão Pará” a mando de Filipe II da Espanha, em referência ao dia de natal. Entre as atrações mais procuradas da cidade estão a festa de Círio de Nazaré – maior evento religioso do país, o Museu Paraense Emilio Goeldi, Estação das Docas, Parque Zoobotânico Mangal das Garças, entre outros.

Macapá (AP) – é a capital do estado Amapá que encontra-se às margens do Rio Amazonas, e está localizada na região Norte do país. Possui área territorial de 6.407 km² e população de 503.327 habitantes. Tornou-se capital somente em 1988, quando Amapá foi declarado definitivamente um estado. Macapá é uma variação da palavra tupi guarani - macapaba, que significa, lugar de muitas macabas (palmeira nativa da região). Um dos principais pontos turísticos da capital é o “Marco Zero” - monumento arquitetônico que marca a passagem exata da Linha do Equador.

Manaus (AM) – é a capital e cidade mais desenvolvida do estado do Amazonas, localizada na região Norte. Sua área territorial é 11.401 km², contendo 2.182.763 habitantes. O nome Manaus vem da tribo indígena manaós, palavra que significa “mãe dos deuses”. O local se destaca por estudos acadêmicos na área da fauna e flora brasileira, passeios ecológicos e gastronomia considerada a mais exótica do país. Possui também um pólo industrial (Zona Franca de Manaus).

Capitais dos estados do Nordeste

Natal (RN) – é a capital do Rio Grande do Norte, localizada na região Norte. Sua área territorial é de 169,3 km², com população de 884.122 de habitantes. Carrega esse nome por ter sido fundada no dia de Natal, em 1599. As principais atrações são praias, dunas e parques.

Salvador (BA) - é a primeira capital fundada no país, pertencente ao do estado da Bahia e localizada na região Nordeste. Sua área territorial é de 693,8 km² e a população é de 2.872.347 habitantes. Tornou-se capital em 1549. Salvador vem do nome anteriormente adotado “São Salvador da Bahia de Todos os Santos”. Salvador é muito conhecido pelos carnavais, pelas belas praias, por monumentos históricos, entre outros.

Maceió (AL) – é a capital mais populosa do estado de Alagoas, localizada na região Nordeste do país. Sua área territorial é de 509,6 km², reunindo 1.018.948 habitantes. Tornou-se capital em 1839 e a origem “maceió” vem do termo tupi guarani maçayó ou maçaio-k que significa “o que tapa o alagadiço”, também referindo-se a uma lagoa temporária que se forma em virtude das marés. Conhecida por turistas como “Caribe Brasileiro” pela beleza das praias, piscinas naturais e belas paisagens.

Fortaleza (CE) – é a capital do estado do Ceará, localizada na região Nordeste. Sua área territorial é de 313,8 km², com população de 2.669.342 habitantes. Tornou-se capital em 1799, quando a província de Ceará foi desmembrada de Pernambuco. O termo Fortaleza vem do Forte Schoonenborch – construído pelos holandeses, que atualmente, é conhecido como Fortaleza de Nossa Senhora da Assunção. Os principais pontos turísticos são as praias.

Recife (PE) – é a capital do estado do Pernambuco, localizada na região Nordeste. Sua área territorial é de 218 km², com população de 1.645.727 habitantes. Tornou-se capital em 1827. O nome Recife vem da palavra arrecife “grande barreira rochosa de arenito”. Entre as principais atrações turísticas estão o Museu Ricardo Brennand (eleito o melhor museu do Brasil), a Torre Malakoff, o Mosteiro de São Bento, entre outros.

Teresina (PI) – é a capital do estado do Piauí e única que não está situada às margens do Oceano Atlântico. Pertence à região Nordeste do país. Sua área territorial compreende 1.392 km², com população de 864.845 habitantes. Tornou-se capital em 1852. Teresina é um diminutivo em italiano de Teresa, uma homenagem à Imperatriz Teresa Cristina Maria de Bourbon. O turismo destaca-se com a Paróquia de São Benedito, o Palácio de Karnak, o Parque Zoobotânico Teresina, entre outros.

São Luís (MA) - é a capital do estado do Maranhão, localizada em uma ilha, na região do Nordeste. Sua área territorial é de 834.785 km², com população de 1.101.884 habitantes. Tornou-se capital em 1.621 e recebeu esse nome em homenagem ao Luís XIII, rei da França. Os principais atrativos do local são o Centro Histórico de São Luís, praias, ruas compostas por casarões contendo arquitetura preservada da era colonial, entre outros.

João Pessoa (PB) – é a capital do estado da Paraíba, localizada na região Nordeste. Sua área territorial é de 211,5 km², com população de 809.015 habitantes. Recebeu esse nome em homenagem ao presidente João Pessoa, assassinado em Recife em 1930. A cidade com maior área verde do Brasil, tem como atração turística o Mercado de Artesanato Paraibano, Farol do Cabo Branco, Centro Cultural São Francisco, Centro Histórico de João Pessoa, além das praias e parques ecológicos.

Aracaju (SE) – é a capital de Sergipe, localizada na região Nordeste. Sua área territorial é de 181.857 km², com população de 657.013 habitantes. Tornou-se capital em 1855. A palavra Aracaju surgiu do termo tupi-guarani arákai, que significa “Cajueiro dos Papagaios”. As atrações da cidade destacam-se a praia de Atalaia, Arcos da Orla de Atalaia, Museu da Gente Sergipana e Passarela do Caranguejo.

Capitais dos estados do Centro-Oeste

Goiânia (GO) – é a capital de Goiás, localizada na região Centro-Oeste. Sua área territorial é de 728.841 km², com população de 1.516.113 habitantes. Tornou-se capital em 1933. Segundo pesquisadores, Goiânia vem da palavra guyanna em tupi-guarani, que significa “terra de muitas águas”, outros dizem que o significado também pode ser “gente estimada”. Entre os pontos turísticos mais procurados estão o Centro Cultural Oscar Niemeyer, Museu Memorial do Cerrado e parques.

Cuiabá (MT) – é a capital do Mato Grosso, localizada na região Centro-Oeste. Sua área territorial é de 3.292 km², com população de 612.547 habitantes. Tornou-se capital em 1835. A origem do nome Cuiabá carrega várias versões, uma delas é da palavra bororo ikuiapá, que significa lugar da ikuia (flecha para pescar). As atrações destaques da cidade são os parques, cachoeiras, museus e mercado público – Mercado do Porto.

Campo Grande (MS) – é a capital do estado de Mato Grosso do Sul, localizada na região Centro-Oeste. Sua área territorial é de 8.096 km², com população de 895.982 habitantes. Tornou-se capital em 1977. Existem duas versões sobre a origem do nome Campo Grande: uma é a existência de um vasto campo no município; e a outra é que José Antônio Pereira dizia aos visitantes “o campo é grande”. Entre as atrações turísticas destacam-se o Santuário da Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, parques e museus.

Capitais dos estados do Sudeste

Belo Horizonte (MG) – é a capital do estado de Minas Gerais, localizada na região Sudeste. Sua área territorial é de 9.468 km², com população de 2.512.070 habitantes. Tornou-se capital em 1897. Segundo historiadores, a cidade levou esse nome por conta do projeto de urbanização implantado no local em 1894, com ideia de trazer um novo horizonte. As principais atrações do local são o Mercado Central de BH, Mirante Mangabeiras, Praça da Liberdade, Feira Hippie, Memorial Minas Gerais Vale, entre outros.

Vitória (ES) – é a capital do estado do Espírito Santo que fica em uma ilha, e está localizada na região Sudeste. Sua área territorial é de 93,38 km², com população de 362.097 habitantes. Tornou-se capital em 1551 e carrega esse nome em homenagem à vitória conquistada por uma batalha comandada por Vasco Fernandes Coutinho. Os destaques da cidade são os parques, as praias, o convento de Nossa Senhora da Penha e o Centro Histórico.

Rio de Janeiro (RJ) – é a capital do estado do Rio de Janeiro, localizada na região Sudeste do país. Sua área territorial é de 1.255 km², com população de 6.718.903 habitantes. Tornou-se capital em 1763. A cidade recebeu o nome em homenagem ao São Sebastião do Rio de Janeiro – rei de Portugal na época, chamado Dom Sebastião. As principais atrações são o Pão de Açúcar, as praias de Ipanema e Copacabana, o Cristo Redentor, os desfiles das Escolas de Samba no carnaval, entre outros.

São Paulo (SP) – é a capital do estado de São Paulo, localizada na região Sudeste. Seu território é de 248.209 km², com população de 12.252.023 habitantes. Tornou-se capital em 1960. O nome surgiu quando em 1554, os padres Manuel da Nóbrega e José de Anchieta fundaram o colégio para catequizar os índios, dando início à vila São Paulo. A cidade mais populosa do Brasil, possui muitas atrações turísticas, entre elas, o Museu de Arte de São Paulo, o Parque Ibirapuera, a Pinacoteca de São Paulo, entre igrejas, parques e outros museus espalhados.

Capitais dos estados do Sul

Curitiba (PR) – é a capital do Paraná, localizada na região Sul do país. Sua área territorial é de 319,4 km², com população de 1.933.105 habitantes. Tornou-se capital em 1854. O nome Curitiba originou da palavra tupi-guarani kur yt yba, que significa “grande quantidade de pinheiros” muito presente desde os primeiros habitantes. A cidade está entre as que possuem o melhor IDH (Índice de Desenvolvimento Humano) do Brasil. As principais atrações turísticas estão o Jardim Botânico de Curitiba, o Museu Oscar Niemeyer, o Parque Tanguá, entre outros.

Porto Alegre (RS) – é a capital do Rio Grande do Sul, localizada na região Sul. Sua área territorial é de 496,8 km², com população de 1.483.771 habitantes. Tornou-se capital em 1773. O nome Porto Alegre pode ter originado, segundo historiadores, da alegria do povo imigrante açoriano, ou pela beleza do local, às margens do rio Guaíba. Os principais pontos turísticos são a Casa da Cultura Mário Quintana, o Parque Moinho dos Ventos, o Parque Farroupilha e o Mercado Público.

Florianópolis (SC) – é a capital de Santa Catarina, situada em uma ilha, localizada na região Sul do país. Sua área territorial é de 675,4 km², com população de 500.973 habitantes. Tornou-se capital em 1823. O nome foi dado em homenagem ao presidente Floriano Peixoto (anteriormente se chamava Desterro). A capital atrai turistas do mundo inteiro, principalmente por suas belas praias.

Veja também:

Arquivado em: Brasil, Geografia